terça-feira, agosto 31, 2010

Post bônus. Por Eliana Almeida.

Apesar de ter “deixado” de ser au pair há 1 ano e meio, eu sempre mantive contato com o mundo auperiano através da leitura de blogs de futuras, atuais e ex au pairs. E no meio destas leituras encontrei linkado em algum lugar “O Blog das 30 au pairs” e achei a idéia super interessante de colocar num mesmo espaço as diferentes perspectivas de diferentes pessoas que passaram ou irão passar pelas alegrias e dores de ser au pair nos Estados Unidos.
Meu nome é Eliana, paulistana, 29 anos. Fui Au Pair entre fevereiro 2007 a fevereiro de 2009, sendo que o primeiro ano morei em New Jersey e o segundo ano na California.
O meu primeiro ano como au pair foi maravilhoso. Tive host parents jovens, justos comigo e com as regras do programa e eu os considero como minha família americana. Se eu não tivesse tido um ano tão bom, acho que jamais teria ido para o segundo ano...
O segundo ano foi bem diferente do meu primeiro. Tinha muitas responsabilidades com as crianças e com a casa e infelizmente não tive um bom relacionamento com a hostmom. Era pressão o tempo todo e eu só aguentei a barra porque eu tinha um objetivo.
Passei pelo dilema que todas tem quando se aproxima o término do programa: ficar ou ir embora? Sabia que não tinha chegado a minha hora de ir embora, então tratei de pesquisar o que fazer para trocar o meu visto para estudante.
Não fui tão sortuda como muitas que tem apoio das hostfamilies então fiz a troca do meu visto sozinha, com o apoio da diretora da escola na qual me matriculei. Não é um bicho de sete cabeças, mas exige muita dedicação e tempo, principalmente para trazer documentos do Brasil e para traduzi-los também e preencher formulários da imigração. Por isto o ideal é que se inicie o processo de mudança de visto 3 meses antes do seu DS2019 expirar.
Enviado os documentos, a agonia da espera iniciou-se. Foram 2 meses de espera e um dia antes do meu programa de au pair terminar oficialmente, chegou a resposta positiva da minha petição. Foi o momento mais feliz da minha vida!!
Passados 1 ano e meio desde aquele dia cá estou eu, escrevendo este post do meu apartamento, casada, na California.
Continuo com o visto de estudante e às vezes se não fossem as fotos e as amigas conquistadas durante esta jornada, parece que a minha vida como au pair foi apenas um filme, com muitos momentos bons, mas também alguns momentos tristes, de raiva, solidão, que fizeram desta jornada um tempo de amadurecimento único em minha vida.
Para aquelas que ainda não embarcaram, tenham a certeza de que a jornada não será fácil, mas valerá a pena.
Para as atuais au pairs digo para não perderem o foco, o objetivo que fizeram vocês deixarem o Brasil e embarcar nesta aventura. A sua recompensa virá.
Para as ex au pairs, só posso dizer que vocês são sobreviventes e que nós somos prova viva de que existe sim, vida e esperança após o programa.

5 comentários :

  1. Amei o post!!!

    Dentro de 12 dias chego nos States e sempre tento ter em mente que as coisas não serão fáceis, e o que for bom será bônus!
    Espero que eu tenha vááários bôbus! kkk
    Mas com certeza sei que vai valer a pena!

    Valeu pelo seu depoimento Eliana! Quando leio relatos como o seu tenho uma verdadeira injeção de ânimo!

    Beijo.

    ResponderExcluir
  2. Oi Eliana!

    Muito legal o post!

    Só tenho a concordar com vc.

    Nem fui ainda, mas acredito que valerá muito a pena, contanto que não percamos o foco e saibamos lidar com o que nos aguardo.

    Será fácil? Provavelmnete nem de longe!
    Mas, será sonho realizado!

    Td de bom aí.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Eliana, passe seu contato para nós, seu e-mail e/ou blog se tiver, pra mim que ainda nem fui é muito importante saber que mesmo sendo ex aupair, vc ainda está ligada nessa vida auperiana e pode ajudar a esclarecer varias duvidas que enchem nossa cabeça... bjs e obrigada!! Não esqueça de mandar seu e-mail :)

    ResponderExcluir
  4. Amei seu post... lindas sua palavras... achei bacana sua história.... bjos

    ResponderExcluir
  5. Foi um prazer dividir a minha história com vocês!
    Email para contato exaupair@gmail.com

    ResponderExcluir