sexta-feira, setembro 17, 2010

Você vai mudar...



Prepare-se, porque ser au pair é um treinamento ninja.
A pessoa que saiu do Brasil ficará lá e quando você passar pelo portão de volta você não será mais a mesma.
Você vai aprender a controlar seus cinco sentidos, afinal de contas você mora com seus patrões, mesmo morrendo de ódio ás vezes tudo que te restará é fazer cara de paisagem (visão).
Aquele olhar fulminante que você gostaria de dar pra sua host mom, esqueça, mas você vai aprender altas técnicas de respiração e contagem regressiva e progressiva no capítulo: como não cometer homicídio nos EUA.
Quando suas host kids acordarem a la peste, você vai aprender a controlar sua mão (tato) para não dar aquela apertadinha neles nem de leve.
Ao limpar bunda de criança você vai conseguir controlar cara de nojinho, ninguém melhor para fazer coisas porcas do que criança, com o tempo você aprende bloquear o nojo. (olfato)
Você vai aprender a controlar o choro, porque se tem uma coisa que vai te fuder todo dia é saudade de casa, e quando digo saudade de casa, não digo necessariamente saudade do Brasil, mas casa para mim é onde mora seu coração, e meu coração mora junto com as pessoas que eu amo independente do país que elas se encontram.
Sim, você vai morrer de saudade da comida do Brasil (paladar), nada que você vá morrer por faltar, aqui também tem muita coisa boa, e principalmente se você não se importar de por a mão na massa, e esquentar a barriga no fogão dá de boa para achar umas soluções comestíveis, óbvio que nada como a comidinha de casa, mas muitas vezes melhor que comer mac and cheese todo dia.
Se você é do tipo que tem o sono leve, se fudeu... hahaha Mas de boa você aprende a voltar a dormir depois de ser acordada as 7 da manhã de um domingo com gritaria de criança em casa. (audição).
E uma coisa que você precisa para sua vida ser mais fácil aqui, e que não faz parte de sentido nenhum é uma bela de uma cara de pauuuuuuuu, principalmente se eu inglês não for muito bom, para você não ter vergonha de falar errado, para você chegar nos gatinhos na balada... sim aqui é extremamente comum a mulher chegar puxando papo e eles vêem isso como nada demais, super normal, e se você como eu está vindo de uma cidade de interior onde o oposto é normal, se fudeu hahaha não brincadeira, você acostuma, eu ainda estou aprendendo, estou tomando aulas particulares com uma guria que foi au pair por dois anos e está aqui de volta, e já teve (tem ainda) namorado americano, ou seja ela domina a arte.
Sem contar o malabarismo de jaquetas, lancheiras e garrafas de água enquanto você tenta abrir a porta de casa (equilíbrio), gritar? bom eu até dou uns berros com eles ás vezes mas aquele vai tomar no cú que ás vezes vem na garganta esse você aprende segurar... ;)

Se você quer acompanhar minha saga particular leia meu blog: http://srtadanidaquiparaomundo.blogspot.com ou siga-me no twitter: @SrtaDani

12 comentários :

  1. haha..que otemo post!!
    Bom, eu chingo todo mundo..falo em portugues!! haha
    Acabei de mandar meu mais velho se fuder, e ele ficou todo orgulhoso que eu estava falando outra lingua com ele!! ahahah
    bjao

    ResponderExcluir
  2. post sensacional!!!
    :D

    ResponderExcluir
  3. ADOREI, melhor post do blog so far
    Bjao

    ResponderExcluir
  4. ahauahuahuahua amei o post! Ri a lot!
    Graças à Deus que eu tenho o sono MUITO pesado!
    Valeu as dicas :)
    Vou te seguir no blog.
    Beijão!

    ;*

    ResponderExcluir
  5. Mto bom o post!!!! :) beijos!

    ResponderExcluir
  6. adorei o post! Muito bom. ;D

    ResponderExcluir
  7. Ameeeei o post!!! To aqui ha dois meses e ja to sentindo tudo isso que vc descreveu, haha! Pro sono leve, comprei aqueles earplugs, aaah, uma maravilha!!!

    ResponderExcluir
  8. hahaha ameiii as fotoss
    =]

    ResponderExcluir
  9. Nossa adorei o post, muito bom mesmo =DDDDD
    E as fotinhas lindas *-*

    BJauuum boa semana

    ResponderExcluir
  10. Post muuuito bacana, dá aquela vontade de estar aí, na real...

    E fotos, claro, muito lindas ^^

    Obrigada!

    ResponderExcluir
  11. Nunca vi alguem resumir tão bem o dia a dia auperiano hahahaha, adorei!

    ResponderExcluir