sábado, novembro 03, 2012

Holanda?

Olá meninas e meninos

Well pessoas lindas, esse mês eu resolvi  falar de uma decisão que eu tomei e vi que muitas meninas também estão tomando (ou pelo menos com uma ideiazinha) que é a de ser Au Pair na Holanda
Siiiiim, e eu vou explicar direitinho pra vocês o porquê.

Desde que eu descobri o programa Au Pair, eu decidi que queria ser uma! Pelos mesmos motivos que a maioria das meninas: quero fazer um intercâmbio, melhorar meu inglês, viajar pelos Estados Unidos, ganhar em dólar... E claro, porque eu realmente gosto de crianças! Então cuidar delas seria o menos interessante, mas também faz parte né?! 
Então, comecei a correr atrás de todos os requisitos:

  • Ter de 18 a 26 anos – OK
  • Ter no mínimo 200 horas de cuidado com criança- OK
  • Ter inglês intermediário – OK
  • Passaporte - OK
  • CNH – Em falta
Não, eu não tenho CNH, eu já tentei tirá-la, mas parece uma coisa: eu dirijo normalmente aqui na minha cidade (eu sou uma fora da lei), mas eu NÃO consigo tirar a minha CNH. Eu já tentei 4 vezes, meu ano acabou, vou reabrir o processo e tentar de novo... Com isso, meu ano de Au Pair fica cada dia mais distante, mas eu não penso em desistir. 
Conversando com minha amiga Nayara, que será Au Pair na Holanda, (já tem host family e quase tudo está certíssimo pra ela embarcar em Março) eu comecei a me interessar  e perceber que é uma boa opção pra mim, que não tenho CNH (ainda), já que lá o principal meio de transporte é a nossa linda e simples bicicleta! Assim sendo, ter CNH não é obrigatório e plim plim , meus olhinhos brilharam! 
Comecei a correr atrás pra saber mais um pouco sobre ser Au Pair na Holanda, então eu vou dizer pra vocês rapidinho os prós e contras pra quem ta em dúvida como eu.

Prós em ser Au Pair na Holanda:

  • NÃO precisa de CNH.
  • Morando na Holanda você terá chances de conhecer toda a Europa
  • O visto de Au Pair é pedido pela sua host family ainda na Holanda, e no geral, é muito difícil ser negado.
  • Seus gastos com a viagem são poucos, comparado aos Estados Unidos.
  • Você pode procurar família por conta própria, usando sites como o APW e GAP e encontrar, já que ter agência não é obrigatório. 
  • Na maioria das vezes a passagem é paga pela Host family.
Contras em ser Au Pair na Holanda:

  • A maioria das agências são online (e as que não são, cobram muito caro).
  • Você recebe mensalmente apenas algo ao redor de 300 Euros (O que é pouco, mas da pra se virar).
  • O visto de Au Pair na Holanda, só vale por 1 ano e não poder ser renovado.
  • O inglês é a segunda língua para a maioria, então, em comparação aos States, sua exposição ao inglês será bem menor. 

Então eu analisei bem e percebi que a Holanda seria sim um bom lugar para morar durante um ano, conhecer vários lugares e andar de bicicleta, hahahahahaha.


Eu já sou muito agoniada, e pretendo embarcar em Março. Para conseguir o visto, a family precisa dar entrada 3 meses antes da sua viagem, em média. Então eu não quis perder tempo. Entre todas as agências online que eu pesquisei, eu escolhi a “HBN”, e minha agente é a Nadja.  Ela é brasileira e já foi Au Pair na Holanda. O App da agência é “online”, ela te manda via e-mail um documento do word com várias perguntas, que você responde, e manda pra ela de volta. Depois ela marca uma entrevista com você via skype pra falar do seu APP, fazer algumas alterações e treinar o seu inglês. Depois da entrevista com ela, é marcada uma outra entrevista com a Emeline, que é a dona da agência e também uma host mom. E finalmente após isso você ficará disponível para as famílias. 
Mas não é como nas agências americanas, que nos deixam online em um site. A busca pela família é diferente: elas olham todos os APP e procuram compatibilidades entre famílias e au pairs. Quando uma família se interessa por você, elas entram em contato, e caso você também se interesse, ela faz o link entre au pair e família. 
A forma de pagamento também é diferente: Quando você está com tudo pronto paga 125 euros para a sua agente no Brasil, e mais 125 euros diretamente pra dona da agência quando você chega na Holanda. Os custos do visto são todos por conta da Host family e as passagens geralmente são decididas num acordo entre família e au pair quanto cada lado pagará.

Atenção: A lei holandesa está mudando, dizem que em breve será obrigatório ter agência, e que as taxas cobradas por elas serão alteradas também. Por enquanto, as famílias ainda estão conseguindo solicitar o visto por conta própria... mas não se sabe até quando. O processo pela HBN está mudando também, então pode ser que logo logo o que eu descrevi aqui em cima não seja mais válido, ainda não se tem informações exatas sobre os novos procedimentos, assim que souber, dou um update aqui pra vocês!

Resumidamente é isso, quaisquer dúvidas podem deixar aí nos comentários. Não se esqueçam de curtir nossa página no facebook e seguir nosso twitter também! 

Bom pessoas, por hoje é só, mês que vem tem mais!

9 comentários:

  1. Amanda Santos3/11/12

    Oie Kamyla

    Morei na Holanda por quase 2 meses, nao gostei muito de lá, foram muitas coisas como questao pessoal, estilo de vida, povo holandes e outros. Contei todo minha trajetória la no meu blog, esse foi o motivo pelo qual eh vim parar na Irlanda!

    Mas espero de coraçao que vc seja muito feliz la, o país é muito lindo e encantador estive como visitante e como turista tenho outra visao =)

    Bjs

    http://aupairmandy.blogspot.ie/

    ResponderExcluir
  2. Adorei o post!!! escreveu super bem!!! Se você for por agência, em média o visto demora de 10 a 15 dias úteis para sair, o que torna tudo mais simples e fácil. O bom também de ser au pair na HOlanda é que mesmo que na primeira vez você tenha seu visto negado (o meu foi), a família pode entrar denovo com o pedido (quando a agencia faz nunca vi ser negado).Você não fica marcada! :)
    Logo logo você arruma sua família, com ou sem agência. Mas não esqueça de perguntar TUDO e ter tudo sempre por escrito ;)

    ResponderExcluir
  3. Obrigadaaaaa pelas novas informações :). Que bom que gostou.

    ResponderExcluir
  4. Haaaaa, eu espero gostar, hahaaha. Brigada pela visitinha, irei visita-la no seu blog :)

    ResponderExcluir
  5. Pamela4/11/12

    Estou numa situação parecida: Tenho td menos CNH, as minhas aulas práticas acabam agora em dezembro, mas considerando que eu quero ir no período de abril/maio e que demora uns 2 meses aqui no RJ pra marcar a prova, acho q nenhuma família vai querer alguém com 2 ou 3 meses de carteira né. O ruim disso tudo é q a minha principal motivação para ir seria voltar falando o inglês fluente q eu tanto preciso, o q eu acho q seria mt mais difícil de conseguir na Holanda, como vc mesma disse a exposição é bem menor. Vou pesquisar p ver se não tem em outros países q o inglês é a primeira língua e a CNH não seja tão importante assim.

    ResponderExcluir
  6. Vc vai por agência?
    Vc sabe o nome de agência? Ela tem seguro de saúde e garantias como a dos EUA?

    Boa Sorte lá!!!

    ResponderExcluir
  7. isabellaks25/11/12

    Oi Beatriz!

    A agência que a Kamy ta se inscrevendo é a HBN (http://www.huisjeboompjenanny.nl/eng_aupair_waarom.php) eles tem duas agentes brasileiras, a Laura e a Nadja, se você entrar em contato com eles, eles te põe em contato com uma delas e elas te explicam tudo como funciona com eles.

    Mas existem outras agencias também, como a House O Orange e a CI. Cada uma tem uma política de preços e procedimentos completamente diferentes.

    Na Holanda quem paga o seguro saúde é a família e é obrigatório!

    Que outras garantias você diz?



    Beijos

    ResponderExcluir
  8. isabellaks25/11/12

    Oi Pamela!
    A Tata aqui do blog está fazendo uma série de posts sobre países da Europa para ser au pair, com as exigências e procedimentos de cada um.
    Dá uma procurada nos posts dela e quem sabe não te ajuda a decidir! :D

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir