segunda-feira, dezembro 10, 2012

How to do.... anything by yourself - part II: cutting hair



Pois é, gente.....

Não é isso que vou ensinar!
Mais um dia 10, e chegando o Natal.... Papai Noel cobrando pelas fotos, presentes carérrimos que as crianças não vão usar depois.... e cá estamos nós, vocês e eu, para falar dos cortes de cabelo by ourselves. E já vou logo comunicando que, em janeiro, será a vez de falar dos alisamentos químicos e não químicos. Mas como ainda estamos em dezembro, e o assunto de hoje são os cortes, eu optei por falar de um corte para cada tipo de cabelo e de rosto, assim ninguém fica aí, do outro lado, chupando dedo.
E antes de começar, eu quero deixar bem claro algumas coisas:

1. Use uma tesoura própria para cortar cabelos, de preferência uma de uso profissional, e bem amolada.
2. Não, eu não sou cabeleireira (nem manicure, nem depiladora....). Eu só sou uma mão de vaca assumida, que faz de tudo pra economizar cada centavo sem parecer uma mendiga em dia de chuva.
3. Não tenha medo da tesoura, mas também não vá cortando o cabelo como se não houvesse amanhã! Vá cortando um dedo por vez, até chegar onde você quiser, com MUITA calma, do contrário você pode ficar feito esse modelo simpático aí de cima.
4. Cabelos limpos e bem penteados, sempre. A sujeira endurece o cabelo e atrapalha no corte, pela falta de caimento.
5. Cortar o cabelo sozinha é uma experiência muito pessoal e exige muito tato, sensibilidade, paciência e prática. Na primeira vez não vai ficar aquela coisa e talvez até um pouquinho torto, mas nada que o tempo não resolva. O que sua amiga faz e fica ótimo pode ficar uma cagada no seu cabelo.

Quem me dera ser linda assim!
So... cabelos cacheados. Muita gente acha que não dá pra cortar os cabelos enroladinhos em casa, que vai ficar parecendo um cogumelo. Gente, dá sim! E fica legal. A primeira coisa que vocês, donas de caracóis lindos, têm que saber é: NÃO PODE CORTAR RETO! Nem em casa, nem no salão. Seja em V, em U, desconectado, à lá Camila Pitanga, ou curto (sim, podemos ter cabelos curtos!), as camadas devem existir e ser bem marcadas. Uma outra dica é não cortá-lo muito molhado, mas sim úmido ou seco (neste caso peça ajuda de uma amiga), pois o cabelo cacheado seca e encolhe.
Os lisos. Ah...... os lisos! Nesses dá pra liberar geral , fazer o que bem entender, cortar com navalha, até com gillete (dessas de raspar o sovaco) dá pra fazer uma experiência legal. Nossa companheira Isa, que não me disse nada quando veio ao Rio de Janeiro, só corta o dela com gillete, mas já foi logo dizendo que já fez muita besteira e demorou um tempo pra conseguir a destreza que tem hoje. Então, ela separa o cabelo em três partes, topo, meio e fundo. No topo ela "senta a mão" na gillete e desfia tudo desigual mesmo; o meio ela continua desfiando desigual, pra não ficar muito diferente do topo, mas sem "sentar a mão"; e o fundo ela só tira as pontas. Pra fazer isso, ela puxa a mexa pra longe da cabeça e manda ver! Enfim, a teoria do corte nem é difícil, pelo que eu entendi; difícil mesmo é você não ficar parecendo o Supla depois! Outra coisa é que só serve pra cabelos lisos, quem tem cabelo ondulado não, a não ser que seja escovado sempre, pois a gillete dá muito volume aos fios.
Muito legal, né?!
E as franjas, Marysila???? Eu, particularmente, odeio as franjas, que definitivamente não caem bem em cabelos muito cacheados como o meu, que é parecido com a foto aí de cima (a da modelo, pelo amor de Deus!), então eu não a tenho muito marcada; no máximo uns dois dedos acima do comprimento do cabelo - meu cabelo é curto. Mas depois de muito pesquisar, achei um acessório parecido com uma régua chamado CreaClip, que limita os fios e aí você corta o que estiver abaixo dele. Sem susto, sem surpresas! Dá pra fazer vários tipos de franja e até cortar o comprimento do cabelo com ele, pois vende em dois tamanhos, no site do fabricante mesmo, e custa a partir de U$ 29.00 (isso é caro, gente?).
NÃO É ASSIM!
- Blá blá blá.... e o corte, Marysila?! Nossa, quando decidi fazer esse post, imaginei que houvesse só um ou dois modos de cortar o cabelo sozinha. Ha! Ledo engano, porque o ser humano é um bicho muito criativo e tem muito método que dá um banho em muito Rodrigo Cintra e Paul Mitchell por aí. Mas.... como isso aqui é um post pra ensinar você, menina que sempre cortou seu cabelo no salão, a se virar em terras americanas, optei por um corte simples, rápido, fácil e que dá certo em todo tipo de cabelo.
Para este corte é preciso que você tenha o cabelo longo o bastante para prendê-lo no topo da testa, mas se a mechinha da nuca ficar de fora, não tem problema; basta dividir a mecha que sobrou ao meio (lado direito e esquerdo), puxar a mexa para o lado, de modo que você possa enxergá-la, segurar as pontas com os dedos indicador e médio - como se fosse uma régua - e cortar com a tesoura em pé (ângulo de 90º em relação aos dedos), pra ficar repicado feito o restante do cabelo.
Então, comece desembaraçando o cabelo - que não precisa estar molhado, basta umedecer de leve. Depois disso você vai jogá-lo para frente, pentear os fios até que estejam bem alinhados e prender com um prendedor de cabelo no topo da testa bem firme. Feito isso, você vai medir onde quer cortar (lembre do item 3 acima), segure com os dedos e vá cortando com a tesoura em pé (no vídeo mostra bem como é), de modo que o corte seja feito praticamente só com a ponta da tesoura e fique natural. Agora solte o cabelo e veja como ficou. Se ainda ficou longo demais ou não muito repicado, prenda e faça de novo (sempre lembre do item 3!) até ficar do seu agrado. Quanto mais você cortar, mais repicado ele ficará; o mínimo para que o repique fique aparente é de 4 dedos.
Esse vídeo mostra direitinho como é o corte e como fica depois. Como eu disse, ele serve para todo tipo de cabelo e fica bem legal. Nossa amiga Waquiria faz o corte assim e eu também fazia quando o meu era longo e nunca tive problemas.


Bom, então é isso, gente! Espero que tenham gostado bastante! Infelizmente o espaço é pequeno para falar de outros tipos de corte e não consegui achar um modo fácil e prático de cortar os cabelos curtos sozinha. Tanto que atualmente eu tenho cortado os meus com a minha tia, que é cabeleireira, e aprendido com ela como cortar sozinha um cabelo curto. Futuramente terei novidades sobre isso! O site para comprar o CreaClip é o CreaProducts e o vídeo é do site Passarela de Rua.

Beijos, me escrevam e curtam nossa página no Facebook!

8 comentários :

  1. legal, farei um teste qualquer dia desses kkk

    ResponderExcluir
  2. Eu pago aqui no Brasil pra fazer esse corte de prender na frente... Acho que vou começar a tentar por mim mesma... =P

    ResponderExcluir
  3. nhé, na hora da pressa eu taco a tesoura reto mesmo (que nem na foto), nem fico de mimimi tesoura em pé. mas né, eu corto o cabelo do mesmo jeito desde sempre - já tive outros cortes no meio, mas sempre acabo voltando pra esse!

    ResponderExcluir
  4. p.s.: já virou tão banal que eu até esqueci de fazer o vídeo u.u foi mal!

    ResponderExcluir
  5. Ana Flávia11/12/12

    Adorei as dicas Marysila mas aguardo ansiosamente o mês que vem o post das quimicas... sou viciadassa em relaxamento e/ou progressiva... não sei se consigo ficar sem! :(

    ResponderExcluir
  6. Não esqueci, @85ab08ae063b5d4981a6e761e4d12974:disqus ! Me escreva dizendo o que vc faz e usa aqui no Brasil. marysila@outlook.com


    Bjos

    ResponderExcluir
  7. Sem problemas, Wal! Eu também fazia esse corte quando meu cabelo era maior, mas aí eu cansei de cabelo grande e resolvi tosar. Agora estou aprendendo a cortar meu cabelo curto sozinha.

    ResponderExcluir
  8. Bruna Fernandes14/12/12

    Adorei o post Mary super útil, tbm corto meu cabelo assim, como o vídeo, super funciona =)

    ResponderExcluir