domingo, setembro 29, 2013

Troca de favores com a família, até onde podemos chegar?


Olá minha gente, como estão?
No post de hoje escolhi falar sobre um assunto que assusta muito as Au Pairs, principalmete aquelas iniciantes ou que acabaram de fechar na agência e estão com medo do que pode vir pela frente: A troca de favores com a família vale a pena, sim ou não?
Bom, em minha opinião, uma mão lava a outra. Eu nunca fui de cobrar tudo que faço que não é minha função. Acredito que sempre tem aquele dia do trânsito, aquele dia da dor de cabeça, ou simplesmente aquele dia do NÃO QUERO FAZER! Ou seja, é lógico que ninguém pode te obrigar a fazer o que não é de sua obrigação, muito menos  fazer extra.
- Faço extra as vezes e eles me compensam em horas. Creio que isso é uma troca de favor, até porque quando eu preciso de folga, peço para trabalhar mais em determinado dia que eles precisem, são pouquíssimas vezes que eles me pagam extra.
- Quanto a limpeza: O que custa as vezes tirar ou colocar as coisas na dishwasher? Muitas vezes eu deixo algo na pia e eles colocam pra mim, então quando eles tão trabalhando dou uma ajeitada nas coisas na cozinha. Sei que chegam cansados e minha baby dorme muito, então tenho tempinho off pra mim, mas mesmo assim quando a casa tá aquela bagunça eu dou um jeitinho de colocar tudo no lugar super rápido e eles ainda agradecem quando chegam;
- Quanto a comida: Se você não cozinha (como eu), se ofereça para ajudar na arrumação da louça quando terminarem a janta...
- Se você usar o mesmo banheiro: Faça o favor de mantê-lo limpo também. Aqui em casa eles realmente não ligam pra sujeira, pois espero eles saírem e da-lhe desinfetante HHAHAHAHA
 

Bom pessoal, essas são as dicas de hoje. Lembrando que eu faço essas coisas quando eu quero, na hora que eu quero, se eu tenho tempo off, se tá me incomodando... Ah, também acho importante considerar o quanto a família é boa com você ou não... Se a família te irritar, te fazer trabalhar de escrava, É OBVIO que nada disso de ajudar faz sentido. Uma mão lava a outra, lembre-se que um dia você pode precisar deles...
Beijocas :))
 
 

3 comentários :

  1. Heey! Gostei do teu texto!
    Esse foi um assunto que eu nunca discuti diretamente com a família que eu morei. Quando eles me pediam pra trabalhar sábados ou domingos eu sempre trabalhava, e quando eu pedia pra viajar durante a semana eles sempre deixavam. Quanto a limpeza eu me irritava horrores, pois eles me viam como a empregada; nunca me disseram isso, nunca reclamaram de algo que eu não limpei, mas sempre deixavam a bagunça lá... Eu arrumava de vez em quando, as vezes com mais vontade, e as vezes só pra disfarçar. Passar aspirador na casa e limpar a cozinha era algo que não me incomodava fazer, até pq eu morava na casa tb né?! Agora, ter que ficar catando garrafas de refrigerante e pacotes de salgadinho dos quartos era algo que eu não fazia..

    ResponderExcluir
  2. Anônimo30/9/13

    Acho que tudo deve ser tratado ANTES de fechar com a família, pra não ficar aquela dúvida será que eles deixaram isso pra eu fazer?Será que faço tal coisa?É obvio que se eu moro numa casa que não é minha devo prezar pela limpeza e organização como se fosse, mas fazer "extras" só pra puxar o saco e não receber nem um thanks no final é burrice.

    ResponderExcluir
  3. Exatamente! Obrigada! Mas vocês sabem que depois da parte de fechar com a família, vem a parte real da brincadeira, que é a de morar com eles rs nunca é a mesma coisa, falam que são assim, mas são assado HAHAHA é difícil saber detalhes antes de vir... mas vamos lidando rs

    ResponderExcluir