quinta-feira, fevereiro 27, 2014

E parece que a ansiedade nunca acaba ...

Será que um dia nesta vida louca de au pair essa bendita ansiedade há de acabar?
Estou pensando seriamente, mas eu acho que não!


Tudo começa quando você procura informações sobre esse lindo intercâmbio (à primeira vista é tudo lindo, não?) e fica na ansiedade de colher cada vez mais informações, sai fuçando tudo o que tem na internet para saber de tudo um pouco, to errada?! Todo mundo faz isso que eu sei.
Logo depois vem aquela angustia e a pergunta: qual agência eu escolho? E lá vamos nós de novo, visita uma, duas, três, pede ajuda e procura mais e mais informações de cada uma delas e fica na ansiedade de qual será a melhor, mas não é a melhor para a fulana e sim a melhor para você!
Passada esta escolha, vem a angustia de preencher o application e você se assusta: Aaah é tudo em inglês? Pois é meus queridos, tudinho tudinho em inglês. Você passa dias e noites sem dormir direito preenchendo tudo bem perfeitinho, pede para aquela amiga mega viajada, ou para a professora querida de inglês revisar tudo e enfim um alívio: está tudo ótimo! Ops, alívio não. Sabe porque? Tá na hora do teste de inglês e lá sem vão mais uns dias e umas noites sem dormir, buscando informações com quem já passou por isso, querendo saber das perguntas, estudando igual uma louca e pra que? Para pelo menos passar no teste com o mínimo de inglês exigido e mais do que isso é lucro! E então, acabou né? Mas é claro que não honey. Ta na hora de esperar ficar online, senta e espera fofas e fofos. A agência tem que revisar tudinho e se tiver correções a fazer será voando que você fará! A espera acabou e todos gritam: I'm Online! 
Como eu queria que a ansiedade tivesse parado ai minha gente. Só queria mesmo. Mas agora acho que é a pior parte (pelo menos ta sendo para mim), esperar pela família perfeita! Não adianta entrar família no perfil se a mesma não for compatível com os seus valores, com os seus ideais e as suas vontades! Bora esperar o maravilhoso feeling e gritar: I have a Match! 
E você claro, fica todo aliviado em pensar que parou por ai, mas e depois? Será que é só isso? É claro que não! Vamos voltar a ansiedade: visto, embarque, treinamento, encontro com a host family e depois de um ano todinho eu creio que essa bichinha volta: estender ou não, oh dúvida cruel, mas quem optou pelo não é hora de voltar pra sua terrinha querida!


Me desculpem pelo post longo, mas eu só queria demonstrar a vocês que estão neste processo que a ansiedade é um sentimento que se tornará amigo e que vocês tem que saber controlar isso. Ansiedade é a palavra chave na vida de au pair e é muito mais que qualquer coisa. Sem esse sentimento você não vive verdadeiramente este processo. Assim como eu, acho que todos estão aprendendo a lidar com o melhor amigo de vocês! Concordam? 
E só para avisar: a ansiedade nunca acaba tá? Espero ansiosa para mais um post no mês que vem, até lá!

2 comentários:

  1. Ansiedade é meu segundo nome. E olha que estou à recém no início! Adorei o post, bjs.

    ansiedadeaupair.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nossa, me descreveu! Estou superansiosa, fico a tarde inteira pesquisando sobre experiências que as aupairs tiveram, agências, tudo! É um vício

    ResponderExcluir