terça-feira, julho 15, 2014

Eurotrip- Um roteiro possível- Parte I


E, aí, galera, tudo bom???

Bom, hoje eu vou contar para vocês um pouco de como foi a trip que fiz pela Europa em 2013, quem sabe serve de ideia para alguma AuPair recém-chegada.

Bem, eu passei três semanas lá, entre 31 de janeiro e 16 de fevereiro de 2013 e nesses quinze dias eu mudei minha visão sobre as pessoas e o mundo. Além de achar um boy super gato. Eu vou contar tudo bem rapidinho, e quem quiser mais informações pode me mandar e-mails.

Bom, eu saí do Brasil no dia 30 de janeiro, era minha primeira vez foa do país, eu peguei um voo pela Alitalia, eu saí de Guarulhos, pousei em Roma e de lá peguei a conexão para Zurich, na Suíça. No aeroporto de Roma eu tava perdidona (na realidade, minha cafonice começou em Guarulhos, quando, depois que a moça da imigração liberou meu passaporte, eu disse:- tá, e o que eu faço agora?), mas enfim, colei nuns brasileiros que tavam indo esquiar e segui na fé!






Cheguei na Suíça e um amigo meu estava me esperando no aeroporto. Eu fiquei hospedada na casa dele. Ficamos lá quatro dias e nestes dias, nós visitamos o centro velho de Zurich, fomos patinar na neve, subimos uma pequena montanha para ver a cidade e cozinhamos bastante no apê. Até porque comer lá é muitoooo caro.




No dia 02 de fevereiro nós paritmos de trem para a França, onde nos hospedamos na casa de uma amiga, que estava na moradia da Sorbonne, que era longe de tudo. Depois dos perrengues para encontrar a casa dela, nós resolvemos passear no museu do Pompidou, que era de graça aos domingos. Jantamos lá por perto e voltamos.

No segundo dia acordamos cedo, compramos o café da manhã no mercado e comemos no metrô. Neste dia, fomos ao Louvre e ficamos lá até não aguentarmos mais andar, cerca de nove horas. Almoçamos no Pauls, um combo de pão com manteiga e salame, café e um macaron. Depois saimos andando sem rumo, paramos numa roda gigante para commer um crepe, isso por volta das 19h00. De lá vimos o arco do triunfo, fomos andando por mais 3 horas até encontrá-lo. Passamos pela Champs-Élysées, compramos coisas na promoção, mas nada grande pois estávamos de mochila. Jantamos no Mc Donalds e fomos a pé até a torre Eiffel.



No terceiro dia, fomos à catedral de Notre Dame, onde passamos um tempo até começarmos a sentir muito frio. Demos uma volta ao redor da catedral e vimos como é a ilha. Almoçamos um combo quiche+vinho+sobremesa ou queijo em um restaurante pequeno. Compramos presentinhos em lojas ching-ling, pegamos o metrô em direção à torre pois queríamos vê-la durante o dia. Chegando lá aproveitamos por um tempo até começar a chover muito, do nada! Pegamos um busão e passeamos pela Champs Elysées novamente. À noite voltamos para a casa da minha amiga para sairmos juntos na nossa última noite. Comemos um fillet ao molho branco que estava nojento em um restaurante de esquina. Depois fomos passear em volta do rio e paramos para tomar uma cerveja em uma bar. No dia seguinte acordamos bem cedo para irmos ao aeroporto e partir para o próximo destino: Budapeste.




A continuação dessa história vcs saberão em 30 dias.





Beijinhosss

5 comentários :

  1. Luuu amei seu post haha tenho certeza que minha cafonice será bem maior que a sua porque além de eu nunca ter saído do país sou super medrosa e gosto de TUDO nos mínimos detalhes hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cáááá, que bom que gostou do post. Espero que seja útil!!! E relaxa que no final da tudo certo! As placas e a sorte sempre ajudam!!

      Excluir
  2. Adorei também!!!! :)

    ResponderExcluir
  3. Rafaella13/11/14

    O boy super gato do começo do post é o Rico?
    que ironia do destino não?!
    hahahahaha

    ResponderExcluir