sexta-feira, novembro 28, 2014

Como eu reprovei no meu primeiro driver's test

Olá, pessoas

Hoje eu vou contar sobre a minha saga de tirar a driver's license em Washington. No Brasil solicitei a permissão internacional para dirigir (PID) e isso me ajudou 100% aqui nos dois primeiros meses. Em Washington você pode dirigir por 1 ano com a PID, mas alguns seguros de carro não cobrem a PID, então de qualquer maneira algumas au pairs fazem a prova.

O seguro da minha família cobria a PID e eu dirigi desde o primeiro fim de semana que cheguei aqui, mas a minha host queria que eu fizesse a prova pra ela ter certeza que eu sabia das leis e etc e eu também queria ter a driver's license porque queria aplicar pro visto canadense e pra aplicar pro visto no Canadá, é preciso enviar o passaporte pelo correio, mas como eu mandaria o passaporte se ele era o meu único documento válido aqui?

Então comecei a ler o Guide, mas não li todo porque tem muita coisa chata e desnecessária, e pulei logo pros simulados online. Gente, a prova teórica inteira (knowledge test) é igual ao simulado, façam sem medo! Fiz e passei de primeira, claro. Não lembro o preço que paguei, acho que 20$. E no mesmo dia já agendei o driver test (paguei 35$).

Fui fazer a prova em uma quarta-feira de manhã. Não tava nervosa porque no Brasil eu tinha o meu próprio carro e dirigia todos os dias há mais de 3 anos, mas sempre bate um friozinho na barriga em fazer provas, né? Vai que dá azar... E DEU!



Antes de fazer a prova eu vi uns vídeos sobre o que eles analisam. E vi que teria que estacionar em ladeira (você tem que saber pra onde virar o pneu, dependendo se é subida ou descida), fazer backing maneuver (fazer uma curva de ré voltando pra rua) e outras coisas, mas eu tava confiante. Na hora da prova fiz tudo certo, eis que nos últimos 2 minutos da prova, já voltando pro escritório, a japa (instutora) me diz "Você está a mais de 30mph", ok, eu reduzi. Mas quando estacionamos ela disse "You didn't pass!". Gente, fiquei com ódio, com vontade de enforcar a japa na árvore mais próxima!.



Disse que eu estava dirigindo a 33mph quando a velocidade máxima era 25mph, por causa disso fui reprovada. Foi um vacilo meu, realmente, mas fiquei com raiva da mulher porque a gente tem que descontar em alguém, né? Voltei pra casa desolada e contei pra minha host mom por mensagem, mas ela foi super tranquila, disse que na próxima eu passaria. E assim aconteceu: na próxima eu já tava super nervosa com medo de errar besteira, mas passei e cá estou eu: feliz e satisfeita esperando minha driver's license chegar pelo correio. Felizmente tenho um carro só pra mim durante todos os dias da semana e posso viajar pra onde eu quiser, IAU!



Então é isso, meninas: prestem atenções em t o d o s os detalhes, pois TUDO eles marcam naquela folhinha do capeta que eles carregam no colo. Vejam o blind spot, vejam todos os espelhos, sinalizem o tempo todo, botem a cabeça fora da janela e etc. E boa sorte!! :D

Até o dia 28 do mês que vem!

Quem quiser acompanhar, tenho um blog pessoal e meu instagram é: @amandaarraism

3 comentários:

  1. Guria. Me deu um friozinho na barriga lendo isso hehe
    Lembro da minha prova do auto escola no Brasil que foi um terror.
    Agora quando chegar aí quero só ver haha

    Beijoos

    www.livinganamericanlife.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Se ai é do capeta aqui é de Lúcifer em si né... acho q a prova no Br dá mto medo pq a galera já faz o terror... e realmente, avaliadores de motoristas devem ser mais do que odiados por mta gente USHASUHASU

    ResponderExcluir
  3. Ain que medinho.. vou fazer a minha dia 10 de Dezembro, vou fazer este simulado online. =x

    ResponderExcluir