domingo, dezembro 28, 2014

Como foi o meu Natal com a host family

Olá, pessoas do mundo

Hoje é dia 28 de dezembro, o  Natal acabou de passar e então eu resolvi falar sobre como foi a minha experiência vivenciando o meu primeiro Natal fora de casa.



Eu sou apaixonada pelo Natal, pelas luzinhas, por tudo que envolve o espírito natalino. Gostava de sentar na sala da minha casa e observar a árvore piscando com a minha irmã e comer com meus pais e uma família gigante e etc. Desde que eu cheguei aqui em Seattle, há 3 meses e meio, eu já imaginava que no Natal me bateria uma dorzinha no coração. Eu nunca tive homesick, mas o  Natal foi complicado pois: saudaaaade, família!

A minha casa tava super decorada e as kids muito animadas. Então no dia 24 fui com a minha host family pra uma cidade a 1h30m de Seattle, onde eles têm uma fazenda linda. Amei conhecer o lugar, fiquei apaixonada. O irmão da hosta que não mora aqui tava lá, conheci, gritaria na casa, comidas. Foi legal, teve carne no jantar (o que eu considero um milagre nos EUA). Mas você vê a família toda junta - eles todos sempre conversando comigo, me tratando super bem - e fica pensando "eu quero a MINHA família". P.S.: Na fazenda não tinha wifi, então só falei com a minha família por whatsapp, e sem facetime/skype a vida fica cruel, me contentei com fotos. Porém ok, o dia 24 foi bem divertido até. Voltamos pra Seattle às 20h.

No dia 25 eu tava off. A minha host veio me falar "Você tá off pra ficar à vontade, pode ficar com a gente o dia inteiro, nós adoraríamos,  mas também pode sair com quem você quiser ou chamar amigas pra cá". Aí de manhã 10am eu subi, a casa cheia, as kids possuídas com mil presentes. Eu de tpm. Não durei muito lá e voltei pro quarto pro skype lindo de sempre com a família. Depois subi pra almoçar e a """""ceia"""" foi pão com bacon. SAUDADES, BRASIL. Mas aquela saudade distante, pois não quero voltar at all.

Dei meus presentes pras kids, elas amaram. E ganhei um presente que achei muito fofo: uma bolsa tipo de praia com meu nome bordado, um colar hawaiano (Vou pro Hawaii no mês que vem com a host family) e um cartão com 200$ dentro! IHUUU estou RYYCA



Depois de muita interação com a host family, as kids foram ter nap time às 14h e eu decidi que tava na hora de beber um vinho pra fazer o Natal valer. Uma amiga veio pra cá e bebeu comigo no meu quarto e depois saímos pra encontrar outras amigas. Mas tudo na cidade tava fechado, claro. Então rodamos forever até encontrar algo e foi legal.

O Natal não foi o melhor Natal da minha vida, mas também não foi ruim.E dezembro, no geral, foi maravilhoso. Viajei com a minha host family pras montanhas e estamos cada dia mais próximos, as coisas tão ótimas e mal posso esperar pelo Hawaii! No mês que vem volto com mais novidades.

Beijos e até lá! :D

Amanda Arrais.

Pra quem quiser me acompanhar, tenho um outro blog e meu instagram é @amandaarraism

Um comentário:

  1. Que legaaaal!
    Eu já perguntei para varias Au Pairs sobre as festas de final de ano e todas dizem que ganharam presentes. HAHAHAAH Parte boa em!

    ResponderExcluir