quarta-feira, dezembro 10, 2014

Primeira família e primeira Au Pair? Oh, Yeah!

Eu quando decidi ser Au Pair, fiz uma listinha das coisas que seriam pontos fortes pra me ajudar a escolher minha família:

- Ser a primeira Au Pair
- Califórnia, perto de San Francisco (não ia me apegar ao lugar, mas era o que eu queria!)
- 2 kids de no máximo 5 anos, sendo uma delas menor que 1 ano
- hosts com alguma formação relacionada a minha área (Sou estudante de Comércio Exterior/Relações Internacionais no Brasil)

Então, imagina o choque que eu tomei quando a primeira família que entrou em contato comigo morava a 20 minutos de San Francisco, com 2 girls - uma de 4 anos e uma baby girl que ainda nem tinha nascido -, host mom com formação em Conflitos Internacionais e procurando por uma Au Pair for the first time pediu pra marcar uma entrevista comigo? Parecia surreal de tão real que era!



Quando eu percebi que a família ia querer o match (conversamos só por uma semana), comecei a lembrar de todos os conselhos/críticas que eu ouvia por aí "corre de ser a primeira Au Pair", "Corre de fechar com a primeira família sem falar com outras", mas enfim, resolvi arriscar e seguir o feeling que eu tinha sentido com a família e eu sou daquelas que acredita que quando você pede uma coisa e Deus demonstra que a vontade dele é a mesma que a sua, por que não??

Eu gosto muito da minha família, das kids, da cidade onde eu moro e estou feliz por ter fechado com eles e ter seguido o meu feeling. Ser a primeira au pair tem lá suas vantagens e desvantagens. Uma das coisas que eu acho meio chato é que a família ainda está aprendendo a como lidar com uma pessoa morando em sua casa, então as vezes eu me sinto meio confusa do que fazer e eles também, o que deve ser bem diferente pra uma Au Pair que vai pra uma família que já teve 5 ou mais au pairs...
Uma das vantagens é que tive a oportunidade de opinar na compra de algumas coisas pro meu quarto, no carro que eles compraram pro uso da Au Pair e no celular, outra coisa que eu acho bom é que as kids acabam te aceitando mais fácil e se ajustando/respeitando o seu jeito sem comparações a au pairs anteriores, eu acho bom também que eu quase não tenho regras e a família segue direitinho as regras do programa, tipo igual quando a gente começa naquele emprego novo e faz tudo certinho certinho pra não ter erro haha, mas acredito que pra próxima au pair por exemplo, algumas coisas eles vão querer mudar...

Eu sei que cada caso é um caso, mas acabei tirando essas conclusões de diferenças entre ser a primeira, segunda, terceira e etc conversando com outras au pairs, algumas já são a 5a, 6a, e nós que somos as primeiras, compartilhamos da mesma opinião :)

Enfim, se você achar que tem que fechar o match com tal família, siga em frente com o que você tiver sentindo, ter aquele receio é meio normal, mas se a família é o que você quer, não se apegue as críticas, o resto você vai adaptando, tenha em mente o que você quer na sua "host family ideal" e se joga com a mente aberta sem medo de errar e com a consciência de que se você perceber que no fim não era aquilo que você queria, dá sempre pra resolver/tirar boas lições disso :)

Até o próximo post and Happy Holidays, everyone :))


4 comentários:

  1. Woww adorei o post...vc tinha os mesmos desejos que eu tenho, 2 kids, no maximo 5 anos...sei que Deus ta preparando minha family =)
    E realmente, ser primeira aupair tem vantagens e desvantagens, assim como ser a 2ª, 3ª..enfim, adorei!

    Beijo!
    http://mayaupairnoseua.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Sua lista é identica a minha, sem tirar nem por, nossa!!! kkkkkk eu ainda não comecei a cursar RI, mas é o curso que quero fazer. Sou encantada por San Fran. Quero muito ser a primeira au pair, e de preferencia de duas kids também, sendo uma baby (melhor idade na minha opinião) ❤️

    ResponderExcluir
  3. Post super válido *-*
    Que bom que conseguiu uma família legal. E com feeling.
    Eu ainda não fiz uma lista, acredita? Vou fazer A-GO-RA!
    Super beijos <3

    ResponderExcluir
  4. Anônimo9/5/15

    Danny, me conta mais sobre isso, please? Somente uma família entrou no meu app até agora, mas eu adoreeeeei eles. Fico meio assim porque todo mundo sempre diz que o ideal é conversar com várias famílias antes de se decidir. Você conversou só com eles mesmo?

    ResponderExcluir