terça-feira, fevereiro 10, 2015

E já se foram 5 meses?!?!?!? How time flies!!!

E aí? What's up? Caraca, já faz 5 meses que eu estou aqui nos EUA, daqui mais um mês e meio viajo para aproveitar as minhas tão merecidas 2 semanas de férias - quem já é/foi au pair bem sabe o quanto merecemos (vou pra Europa com meu namorado e depois se quiserem posso fazer um post sobre isso, incluindo quanto eu gastei, roteiro e etc.)

É incrível como o tempo passa... Parece que foi ontem que entrei naquele avião cheia de expectativas e sonhos pra esse ano e hoje já estou aqui e já fiz muitas coisas que já planejei!!


Mas enfim, vamos ao que interessa haha O post hoje vai ser sobre coisas aleatórias que me deu vontade de compartilhar com vocês:

1. Sobre cair na real de que estamos mesmo aqui - se prepare porque você antes de ir pra casa da sua host famíy, vai pro treinamento e tudo parece belo/lindo, mas é quando você chega na casa da família que você estranha tudo… Dá uma sensação tão grande de que você está aqui sozinha sozinha sem ninguém pra te ajudar (mas depois isso passa, então não achem que é o fim do mundo…), eu chorei um pouquinho toda noite na primeira semana quando ficava off e entrava no meu quarto...

2. Ciúmes dos hosts com as kids - eu não sou uma pessoa muito ciumenta (só um pouquinho), mas sério, ter que lidar as vezes com host ciumenta não é a coisa mais legal desse mundo… Outro dia minha host queria brincar com minha kid maior mas ela disse que queria brincar era brincar comigo… Eu admiro minha host porque ela sempre se programa pra passar um tempo e fazer alguma coisa legal com as kids porque ela quer estar presente na vida delas e tals, mas eu me senti muito desconfortável quando ela me desconvidou pra sair com eles "porque quando estou presente minha kid não presta atenção nela", oiii? Tem host que é bem pior e que sente ciúmes do marido e etc, mas a minha tem só ciúmes das kids dela mesmo, ainda bem, né? hahah

3. Hoje? Tô bem... Amanhã? Nem tanto... - se preparem porque aqui nossos sentimentos se afloram de uma tal maneira que as vezes parece que estamos numa eterna TPM, um dia você está super triste e não quer ver a cara de ninguém, no outro dia você quer abraçar suas kids e morar aqui pra sempre... As vezes qualquer coisinha dita, faz você querer fazer aquela tempestade num copo de água, mas aí é bom que você vai aprendendo depois a ser direta com o que quer e não ligar muitos blá blá blás… O mesmo sobre ficar mais um tempo por aqui, eu as vezes penso em ficar mais 6 meses, as vezes penso em ficar mais 9 e as vezes penso em ficar mais um ano mesmo, mas aí minha kid faz alguma pirraça e penso comigo mesmo "que ficar mais o que, tô é feliz que só faltam mais 7 meses pra eu me mandar daqui"... Que coisa, né?

4. Se você não é de pensar na vida, vai começar - que o amanhã a Deus pertence todo mundo sabe… Eu sempre fui de fazer planos pra minha vida, mas nada se compara as perguntas que eu vivo fazendo a mim mesma quando meu ano acabar, tenho um medinho da readaptação no Brasil, sabiam? E aqui a gente acaba tendo mais tempo pra pensar na vida mesmo, a minha fé em Deus também foi uma das coisas que cresceu muito aqui...

5. Dar mais valor as pessoas/coisas - eu sempre fui meio chata com as minhas coisas, sempre tive as maiores brigas com a minha irmã porque ela pegava as minhas roupas e etc., hoje eu penso que quando eu voltar, roupa é só roupa, brigar por isso pra quê?? Eu sempre trabalhei muitooo no Brasil, então quando chegava fim de semana, eu só queria descansar e fazer alguma coisa com meu namorado e amigos e não dava muita atenção pro meus pais, quando eu voltar, uma das coisas que eu quero fazer é passar mais tempo com eles… Outra coisa que quero fazer também é passear mais, aqui nos fins de semana estou sempre planejando coisas legais e diferentes pra fazer e no Brasil era sempre cinema, jantar, shopping ou barzinho (o que eu faço um pouquinho aqui também, não sou de ferro hahaha), mas temos tantos lugares interessantes no Brasil pra explorar também e a gente nem dá valor…

6. Você vai vibrar sempre que ver qualquer coisa do Brasil - Esses dias minha kid estava lendo um livro de um tal de um urso que voou do Brasil pra cá e eu fiquei "Brasil, ele veio do Brasil" #aloka... Esses dias também descobri que ela tem os dvds do filme Rio 1 e 2 e soltei um #OMG hahaha…

7. Você vai querer vender a mãe pra comprar aquela bolsa da Michael Kors - brincadeirinha, viu? Não troco mamãe por nada nesse mundo, mas sério gente, quem aguenta com o consumismo desse país?? Eu sempre volto com sacola pra casa e tenho que me segurar sempre pra não gastar todo o meu dinheiro num dia só, mas tudo é tão barato que você acha que pode comprar tudo, mas tenho sempre em mente que não posso gastar muito porque o dinheiro é pouco… uma dica é que eu procuro comprar sempre na promoção e geralmente eu não pago mais que U$ 30 dólares em nada, a não ser que eu queira muuuuito mesmo (vide um óculos que eu comprei da Prada hahaha

8. Se puder, faça extras - sei que é ilegal e muita gente não está nem aí pra trabalhar um pouco mais... No primeiro dia que eu cheguei, minha host me entregou o schedule e perguntou se caso precisasse que eu trabalhasse mais horas se eu toparia fazer horas extras e eu disse que sim! Pois bem, isso tem me salvado um bocado! Paguei toda a minha viagem pra Europa com o dinheiro que eu ganhei de extras e valeu muito a pena eu ter aceitado fazer horas extras...


Tem muito mais, mas vou deixar para um próximo post porque senão esse aqui vai ficar enorme!!

Até o próximo dia 10!

0 comentários :

Postar um comentário