segunda-feira, abril 20, 2015

Era uma Vez um Spring Break - Parte 2


Hey pipôu! Rau iz duin evribari?

Então, hoje é a parte 2 da minha experiência de férias durante o Spring Break. Eu sei que é quase verão (aqls, faltando mais de 2 meses pro dito cujo hahahaha) mas vou concluir o babado aqui.

São Francisco:

Foi a coisa mais louca! Fizemos um programa turistasso em tempo recorde! E valeu super a pena, deu pra ver bastante coisa em um dia, e fomos muito felizes! O roteiro foi o seguinte: Golden Gate Bridge -> Golden Gate Park -> Painted Ladies -> Lombard Street -> Castro -> Bay Bridge -> Treasure Island -> Píer 39 -> Twin Peaks. Acho que foi isso. Deu pra tirar foto em todos os lugares (exceto no Twin Peaks porque tava um nevoeiro louco!), e curtir momentos bem legais. Como estávamos de carro, deu pra fazer tudo no nosso ritmo plus conhecer um pouco a cidade passeando para chegar nos pontos. Foi muito legal e ficamos bem satisfeitas com o resultado. Talvez, com tempo, eu passasse mais uns 2 dias lá. Mas pra 1 dia a coisa rendeu bastante. São Francisco é uma gracinha de cidade! Super fofa, Super recomendo. Nosso Hostel foi o Green Tortoise, em Chinatown (como eu disse no outro post). Foi um bom custo-benefício. Banheiros razoáveis e limpos (porém coletivos), camas confortáveis e staff bem simpático. Só os quartos que são muito apertadinhos, então se você é claustrofóbic@, pode não ser seu lugar.  O café da manhã está incluso e foi o melhor dos 3 Hostels, mas não é nada incrível – bagels, cream cheese, geleia, café, leite, frutas e aveia. Se quiser você pode fritar um ovinho na cozinha...




Road Trip 1: São Francisco – Los Angeles:

Decidimos que faríamos a maior rota, pela Pacific Coast Highway. Os visuais são lindos!!! Valeu a pena e, apesar de eu ter dirigido por 9h, foi tranquilo. Não fiquei nada cansada. A estrada pode ser um pouco perigosa, porque são muuuuuitaaasss curvas, com precipícios do lado e, a depender da época, névoa em alguns pontos. Mas é lindo demais. Se der tempo, ir parando é o melhor negócio! Há vários pontos, como o Big Sur, que merecem dedicação exclusiva de 1 ou 2 dias. De qualquer forma, há vários mirantes pelo caminho, onde você pode parar para tirar algumas fotos. Há também um lugar onde há uma concentração de elefantes marinhos! Fofos! E claro, mirantes estrategicamente localizados para você fotografá-los! Enfim, eu acho que faria uma viagem de uma semana só pra parar em cada uma das cidades e localidades lindas que estão pelo caminho.


Los Angeles:

O Ponto alto da viagem! LA é vida, é amor! Mas acho que nossa experiência foi amplificada pelo Hostel sensa que ficamos! Em LA ficamos 2 dias e uma manhã, e deu pra cobrir a maior parte dos pontos, com destaque para o Hollywood sign, Calçada da Fama, o Píer em Santa Mônica e Venice Beach. Venice Beach merece dedicação, um dia só pra isso, talvez. Queria ter feito os tours da Paramount e Warner. Mas... pouco tempo e pouco dinheiro. Fica pra uma próxima! O Hostel em LA foi o Banana Bungalow da Hollywood Blvd (existem dois em LA). Foi o mais caro da viagem, mas valeu a pena! Quartos espaçosos, banheiro privativo e até uma pequena cozinha. Não tem um aspecto super limpo, mas você irá sobreviver. A grande vantagem é que há estacionamento para os hospedes e sempre há alguma festinha no próprio Hostel. O Staff é bacana, e como eu disse na outra publicação, com alguma disposição e muita cara-de-pau, você até pode se incluir como funcionário hahahahahahaha. Café da manhã é cereal, leite, café, pão, manteiga e nutella.




Road Trip 2: Los Angeles – San Diego:

Sossegada a viagem. 2 e meia - 3 horas de viagem pela highway. Não há muito o que comentar, mas há algumas paisagens bonitas na chegada a San Diego.

San Diego:




Só tenho uma coisa pra dizer pra vocês: É a maior concentração de homens lindos da face da terra! Hahahahahah É desesperador, é constrangedor! Tem pra todos os gostos, e chega a dar estafa ver tanta gente linda junta. EU ESTOU FALANDO SUPER SÉRIO! As praias são bem gostosas, e basicamente é isso que tem pra fazer durante o dia. Há alguns parques bacanas por lá, mas como ninguém via uma praia a algum tempo, e todo mundo precisava de uma vitamina D no corpitcho, foi nas praias mesmo que ficamos. À noite é necessário ir ao Gas Lamp. Trilhões de opções de bares, pubs, restaurantes e danceterias. Fizemos um Crawl Pub (você paga um valor fixo pra visitar uma série de pubs/bares em algumas horas e, nesse caso, a pé) que terminou no primeiro lugar que entramos (mentira, tecnicamente era o segundo, mas isso é uma longuíssima história! Hahahaha). Enfim, fomos a fraude do Crawl Pub! Mas nos divertimos, demos risadas e temos boas memórias daquela noite. O Hostel em San Diego foi o HI San Diego. O HI (Hostel International – eu acho?) é uma rede com um padrão meio que fixo em várias partes do mundo, então, não tem muita errada escolhe-lo. Banheiro coletivo, superlimpo e moderno, camas e quartos confortáveis. Vale o que você paga.  Entretanto, o café da manhã foi o mais chifrim, e nada acontece de interessante no Hostel. Em San Diego, pelo menos, o clima é bem família.



É isso, povo. Valeu a pena e eu faria tudo de novo umas 10 vezes! Hahahaha Califórnia é mára e tendo a oportunidade voltarei. Coloquem na lista de “destinos à visitar” de vocês (se vocês não tem uma, façam!), juro que é imperdível!

4 comentários :

  1. Camila em quantos dias voce fez tudo isso? Voce foi pra vegas? Canyons? Eu nao li o primeiro post mas vou ler.. minhas ferias de Julho irei para la. Ficarei 1 semana vc acha que da para conhecer bastante coisas? Qual cidade voce mora? bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Suellen, Fizemos isso em 7 dias. Não fomos pra Vegas nem pro Gran Canyon, fizemos uma viagem dedicada apenas à Califórnia. Farei uma viagem em Julho para Vegas e alguns Canyons. Se você planejar bem, dá pra conhecer MUITA coisa. Mas tem que ter disposição e organização! Eu moro em Houston - TX.

      Excluir
  2. Arrasou Ca! Melhor viagem ever!
    Obrigada por dirigir por toda aquela costa louca e linda!
    Já estou morrendo de saudades da Califa e de vocês! 😘

    ResponderExcluir
  3. Melhor viagem ever! Eu faria tudo de novo exatamente do mesmo jeito umas 30 vezes. Na trigésima primeira talvez eu perguntasse o nome do canadense! Ahahahaha
    Saudades meninas

    ResponderExcluir