sábado, junho 20, 2015

Crônica de Verão

Oficialmente, o verão começa amanhã. Mas, para as  Au Pairs, ele já está à todo vapor (pelo menos na Terra do Tio Sam).
Se você, amiga au pair, achou que até aqui a vida não foi lá tão difícil quanto você imaginava, prepare-se. Agora você será colocada à prova! Hahahahaha

As Au Pair Pira!
Algumas dão mais sorte do que outras: às vezes todas as suas kids vão pra um Summer Camp, e você pode ter uma semana de paz, ou algumas horas para aqueles Camps diários. Sim, eu sempre achei que os Summer Camps despacham as crianças por pelo menos uma semana de casa, mas na realidade, boa parte do tempo elas frequentam camps que ocupam apenas uma parte do dia, e você tem que ir levá-las e buscá-las EVERY FREAKING DAY! Mas lembrem-se, as férias de verão duram longos 3 meses nos EUA. Fatalmente aquele dia, aquela semana, com todos eles em casa, extremamente agitados porque “é verão, preciso fazer alguma coisa divertida”, vai chegar. Estejam preparados. Ou pior, seus hosts não são adeptos às summer camps, e suas kids ficam full time com você. Meus pêsames e força colegas!!!

Ontem foi o fim da minha segunda semana de verão. Até agora a pior coisa foi dirigir 700 milhas em uma semana, 5 horas por dia.  Como eu só tenho duas kids grandinhas, isso torna as coisas um pouco mais fáceis (e até divertidas, eu diria...).

Na primeira semana, a menina, minha kid mais velha, fez uma viagem e eu só precisei cuidar do menino mais novo. Ele tinha um baseball camp todos os dias, que durava 4h. Eu levava, buscava, e depois era comigo! Foi muita piscina, vôlei com balão dentro de casa, basquete, milk-shakes e consultoria sobre minecraft (sim, meu little boy está aprendendo a jogar, e a jogadora veterana aqui tá ensinando. ME JULGUEM!!! Hahahaha)

Essa semana ele viajou para um Summer Camp de basquete, e aí fui eu e a menina todo tempo. Ela também tinha um camp durante o dia, e lá ia eu, levar e buscar todos os dias. Com ela as coisas funcionam beeeemm diferentes. Vamos fazer compras, assistimos seriados, ouvimos música, fazemos cookies.

Próxima semana será um desafio. Terei os dois ao mesmo tempo em casa. Acho que agora é que a coisa fica séria! Mas olha, eu tava com tanto medo desse verão que posso até dizer que me surpreendi. Tenho me divertido com eles. Claro, acabo a semana demolida, por que são as 45 horas na função, dirigindo pra tudo quanto é lado, tendo disposição pra nadar, brincar, correr, pular, rodar o shopping, cozinhar...



Mas tenho tirado proveito disso tudo. Essas duas semanas foram muito importantes para me aproximar das crianças. Aliás, da família em geral. No fim das contas, o verão tá servindo pra me mostrar que talvez nem tudo seja tão terrível. Eu confesso que antes dessas semanas intensas com minhas kids, eu realmente me sentia mal por não ter conseguido desenvolver nenhum sentimento positivo em relação a eles. Não que fossem negativos também, mas eu permanecia neutra e impermeável a desenvolver qualquer laço de relação com toda a família. E posso dizer que isso mudou radicalmente, em pouquíssimo tempo. Senti falta do meu menino quando ele ficou essa semana fora, e fiquei feliz quando a menina disse que sentiu saudades. Me diverti e me senti parte da família quando saímos pra jantar todos juntos na última quinta-feira, e as crianças pediram pra que eu fosse com eles e comemoraram muito quando meus hosts disseram: claro que sim, ela sempre está convidada.


É, talvez this summer is not gonna hurt like a motherf*.....

Um comentário:

  1. Oiiii.....kkkk tenho 3 kids, uma de 14, um de 10 e mais uma de 8, graças a Deus eles vão pra o camp full time, mas terei alguns dias com eles em casa full time, e para meu desespero, minha host é contra screen time, ou seja, terei que mante-los na linha sem tv ou pc... Ainda não sei o que fazer e eles são impossíveis, acho que vou atras de uma funerária kkkkk....

    Adorei o post...

    ResponderExcluir