segunda-feira, julho 06, 2015

O porquê de aproveitar o verão



A primeira vez que sai do Brasil era final de novembro, os termômetros marcavam 30 graus. Cheguei na Holanda no primeiro dia de uma nevezinha, com a termperatura sóbria, cinza e nada hospitaleira de zero grau.
Eu conheci e aprendi como era o inverno europeu. No começo foi triste, tremi, congelei, passei frio, chorei, achei que minhas orelhas iam cair da cabeça. Até que riram de mim,  e eu entendi que eu estava fazendo algo errado: eu estava turistando, saindo pra passear na neve, e ficando o dia todo fora. (Ah! Não era para menos, né? Eu estava na Europa pela primeira vez, e o mundo era mundo grande pra uma vida só - ainda é!)
Daí, que eu meio que aprendi a viver o inverno. Se agasalhar bem, tomar um café quentinho quando passa muito tempo lá fora, e coisa e tal. A tristeza maior, era que as noites eram muito longas.
Quando a primavera começou a dar as caras, eu já tinha amiga recém chegada. E elas adoravam criticar as loucas das holandesas, que, ok, concordo, eram meio exageradas. Não podia sair um solzinho que as benditas estavam tomando sol com as tetas todas de fora top less no quintal. 
É gente curtindo o parque o dia todo, a praia, praticando esporte, correndo, andando, pulando, enlouquecida para aproveitar o sol e os dias longos. 
E eu, entendia o porquê.

Hoje que moro na Rússia, acho às vezes, que tenho adquiri a mesma mentalidade das holandesas malucas daquela época. Eu passei por um longo inverno de 8 meses. Oito meses usando bota e casaco, sem nenhuma trégua. Não foi lindo, mas, foi suportável. Agora que o verãozinho esta aqui (e felizmente, não está acima dos 30 graus como em grande parte da Europa - eu iria morrer assada!),  eu super quero aproveitar até o último raio de sol. Porque eu sei que em pouco tempo é bota e casaco de novo.

A moral da história: viver num país em que as quatro estações são mais definidas (do que no Brasil), tem as suas vantagens, a gente aprende a aproveitar os dias e o tempo melhor, e não deixar as coisas pra amanhã.
Então, se você, coitada, está suando no verão da Zoropa, aproveite minha filha, porquê dias curtos e gelados virão. E sentiremos saudade dos dias que podíamos sair sem casaco.

E você que está no Brasil, curta o inverno gostoso que pra mim, é quentinho até demais!


0 comentários :

Postar um comentário