segunda-feira, novembro 02, 2015

Aprendendo Inglês... Na Suécia!




Dizer que "todo mundo na Suécia fala inglês" não é um grande exagero, eles estudam e estudam muito inglês na escola, o inglês também está presente na televisão, nos produtos e nas ruas.

A Suécia, principalmente nas grandes cidades, possui um grande número de imigrantes, turistas e refugiados. Os suecos estão preparados para se comunicar em inglês, no supermercado, nas lojas, nas farmácias, nos bares, é impressionante como eles mudam do sueco para ao inglês, simplesmente quando você responde o "hej" com um "hello".

De acordo com a opinião do professor britânico, Jamie, atualmente lecionando na KTH em Estocolmo, aprender inglês na Suécia, ou mesmo em outros países nórdicos, pode ser tão ou mais eficiente que estudar em países cuja a primeira língua seja o inglês. Ele levanta a teoria de que, quando o inglês é a segunda língua e o grupo de pessoas são de países diferentes, a comunicação deve ser a mais clara e objetiva possível, dessa maneira o uso de expressões regionais ou gírias é quase nulo, portanto, você acaba desenvolvendo um inglês mais internacional.

Também é comum, encontrar pessoas que viveram por anos na Suécia, sem nunca ter aprendido o idioma local, pois com toda essa facilidade na comunicação, muita gente acaba se acomodando e deixando o estudo do sueco em segundo plano.

Entretanto, é importante lembrar que, apesar da Suécia ser considerada o país onde melhor se fala inglês como segunda língua, o idioma oficial é o sueco. Inclusive, um dos requisitos para ser au pair na Suécia é estar interessada na língua e cultura sueca.

Com crianças pequenas, o idioma pode ser um grande obstáculo, especialmente se ambos os pais forem suecos. Uma ida ao supermercado sem instruções prévias ou tradutor, pode ser uma grande aventura. Viajar para o interior da Suécia, sem entender o básico do idioma, pode também não ser uma experiência tão agradável, pois certamente você se sentirá excluído.


Minha experiência

Eu vim para a Suécia com um inglês básico, não foi fácil, os 3 primeiros meses poderiam ter sidos bem mais tranquilos, se eu tivesse vindo com um inglês melhor, porém, eu estudei e estudo muito, tentando melhorar sempre. Hoje, 8 meses depois, nem consigo dizer o quanto meu inglês está melhor.

Na minha host family, ambos os pais são suecos, porém, eles já moraram em vários países, inclusive Inglaterra e se dispuseram a falar sempre em inglês comigo, tornando assim inglês o idioma oficial da casa.

Eu cuido de um baby, que hoje já não é tão mais baby assim, acabou de completar 20 meses, quando cheguei ele ainda não falava muito, então fomos aprendendo sueco juntos, embora, tenho que confessar, atualmente é ele quem me ensina.

Eu viajei com a família para o interior da Suécia, e apesar de algumas pessoas não falarem inglês com frequência, muitos inclusive não falavam a anos, eles tentaram me incluir nas conversas, fazendo uma mescla de inglês e sueco, e acabou sendo muito divertido.

Ter me concentrado em aprender inglês, acabou tirando meu foco do sueco, eu consigo entender muita coisa, mas tenho muita dificuldade com a pronuncia e gramatica. Entretanto, não me arrependo, minha experiência tem sido incrível, acabei descobrindo que sou muito mais capaz do que imaginava.



Em resumo, é possível sim, aprender e melhorar seu inglês na Suécia, mas é importante lembrar que, você também terá que aprender sueco, pelo menos o básico para se virar, tornar sua vida mais fácil e conseguir aproveitar ao máximo essa experiência.

Vi ses :)


Um comentário:

  1. Olá Layana, tudo bem? estive lendo várias postagens suas e gostaria de tirar mais algumas dúvidas sobre ser au pair na Suécia, você poderia me enviar um e-mail dalischmoller@yahoo.com.br , não consegui encontrar o seu! Obrigada!! Dalita Schmoller

    ResponderExcluir