sexta-feira, novembro 20, 2015

Tudo novo de novo

Essa semana saí com duas amigas au pairs para me despedir de uma delas. Foi o fim do 1º e único ano de au pair dela nos EUA. Não que esse fosse o plano, lá em janeiro desse ano, quando nos conhecemos. A idéia era ficar 2 anos, com a mesma família, bem linda. Mas não é que tudo mudou?

Mas o que eu quero dizer contando a história da coleguinha? Quero dizer, amig@s que nessa vida de au pair NADA é certo, nada é previsível. Pode até ser que você venha com um plano extremamente definido, e confiando nele e, no fim das contas, até manter-se fiel ao mesmo. Mas, posso falar? Você é uma em um milhão.

Não só essa amiga minha teve uma completa mudança de planos e perspectivas, como a outra amiga que estava nos acompanhando também e, por que não, eu mesma! Sim, nós estávamos surpreendidas com o fato de que tudo estava saindo diferente do que havíamos projetado 11 meses atrás.

As mudanças de plano podem vir das mais variadas formas, tamanhos e intensidades. Você pode ter uma completa mudança de paradigmas, uma leve adiantada de planos futuros, ou mesmo uma nova estratégia para chegar a um ponto comum da idéia inicial. Mas, garanto, não adianta se apegar a planos nessa jornada. Esteja abert@ para mudanças, principalmente as relacionadas ao seu *eu interior* - auto ajuda mode on.  É um ano intenso, cheio de nuances, e tudo pode acontecer. Inclusive decisões que você não está dispot@ a tomar, ou tem medo, ou apenas acredita que é um erro, podem se tornar as melhores coisas que você já fez na vida...






Minha experiência pessoal: cheguei aqui dizendo que seria um ano nos EUA e FIM. De volta pra casa, pra minha vida, minha família. Mas... 11 meses depois, decidi ficar, não estender o programa, mudar de área de estudo, começar um novo relacionamento... Absolutamente NADA do que eu pretendia restou. Mas estou bem feliz de ter abraçado uma nova perspectiva e, principalmente, ter me descoberto em muitos sentidos. Foi uma grande (e continua sendo) jornada de auto-conhecimento. A esse ano, ao que mais sou grata é ao fato de que foi uma oportunidade incrível de me enxergar e refletir, de mudar e crescer. Utilize cada momento, sejam eles bons ou maus, como aprendizado. Eu já disse até isso em um post passado....




Mas pra concluir esse devaneio todo, o que eu quero dizer é: ABRACE AS MUDANÇAS! Velho ditado: Se a vida te dá limões, faça limonada. É isso, basicamente.

Um comentário:

  1. "A esse ano, ao que mais sou grata é ao fato de que foi uma oportunidade incrível de me enxergar e refletir, de mudar e crescer. Utilize cada momento, sejam eles bons ou maus, como aprendizado."
    Eh isso, amiga.
    Amo tu

    ResponderExcluir