quarta-feira, dezembro 09, 2015

Dicas pré-viagem

Olá, meninas e meninos.
Tudo bem?
Hoje meu post será sobre dicas pré-viagem, vou detalhar melhor para vocês como eu me organizo antes de botar o pé na estrada. Antes de qualquer coisa, é bom dar uma olhada em blogs na internet e pegar dicas de viagem, são muito valiosas. (Thanks for our blog). É muito importante ter um plano B para não gastar mais dinheiro do que esperado!
Vocês devem ter em mente que se a pessoa que irão recepciona-los não puderem recebê-los ou se Hotel por algum motivo (sua falta de sorte rs) cancelar a reserva,  vocês devem ter o plano B, para não cair em desespero e sair gastando dinheiro com coisas que poderiam ser mais baratas.
Minha dica para antes da viagem:
1)     Pesquise as companhias de taxis no aeroporto de destino, como no Brasil, EUA, e raio que o parta, sempre tem os malandros! Pesquisem quais são as confiáveis e que tem as melhores tarifas. Caso veja que os táxis são caros, veja outras opções (Ônibus/Metro/Trem) – Veja como funciona a questão das passagens para estes tipos de transporte, se vale a pena comprar um cartão de passagem e quanto custa;
2)      Trace as rotas de Hotéis próximas, ou talvez considere outra cidade próxima a do destino (geralmente se tem as melhores tarifas), e veja quais tem as melhores ofertas de quarto (considere as que oferecem café-da-manhã);
3)     Assaltos/furtos/perda podem ocorrer em qualquer lugar do planeta! Leve as cópias dos passaportes e considere deixa-las no Hotel, em caso de perda do passaporte, isso irá facilitar ao dar entrada no Consulado Brasileiro por um passaporte de emergência.
4)     Imprima e leve o endereço do Consulado Brasileiro no local de destino e o telefone para caso de emergência.
5)     Tenha traçado, literalmente, no papel, o que querem fazer/visitar/comida típica que queiram comer ect... Chegar a um lugar novo é processar muita informação ao mesmo tempo, e vocês podem ficar perdidos no que fazer primeiro;
i) Para economizar tempo e principalmente dinheiro no “ir e vir”, coloque no papel e veja o mapa com as distancias, o que valerá mais a pena: alugar carro ou ir de ônibus, por exemplo;
ii) Os lugares que querem visitar (museus/igrejas/bibliotecas) é de graça ou tem que pagar algum tipo de ingresso, se tiver de pagar, quanto custa? O passeio de gôndola em Veneza, por exemplo, custa, dependendo da distância até 120 euros;
iii) Vão passear no país e  não vão provar da comida local? Tem que pesquisar isso! Nada de arroz e feijão, que isso vocês comem em casa. Aproveite a comida local. Pesquisem restaurantes/ lanchonetes/ cafeterias que tenha boa recomendação de bom serviço e o preço;
6)     Aluguel de carro, geralmente, o que dizem, é que o aluguel no aeroporto é mais caro as tarifas. Pesquise na internet quais as companhias mais baratas e com as melhores taxas/ custo-benefício (uma pesquisa previa ajuda a economizar dinheiro).
7)     Vai comprar alguma lembrancinha ou pensa em comprar algo pra você? Pesquise as lojas, procure por recomendações por lugares mais em conta. Com essas dicas você economiza muito!
8)     Lembre-se o uso do cartão de crédito só em ultimo caso! Estes bancos roubam uma fortuna de IOF;
9)     É interessante levar um mini dicionário (português/idioma local), já que vão passar boa parte do tempo na rua, não custa nada tentar se comunicar na língua local, até dá mais boa vontade do nativo te ajudar.
10)  Lembre-se que você esta em outro país, e que não é igual ao Brasil, tem leis diferentes, culturas diferentes... Procurem respeitar isso, os costumes são diferentes.
11)  Adaptador para eletrônicos. Eu passei um sufoco na Argentina. Veja qual é o modelo do país de destino e leve.
 Acho que é “só” isso.
Planejando tudo, você terá uma previsibilidade de quanto vai gastar/ ou de quanto poderá gastar e também não precisara passar a viagem com “cabeça quente”
Imprimi tudo e leva. Dai, caso precise de alguma informação, já vai ter tudo organizado.

Beijos,  até a próxima.


0 comentários :

Postar um comentário