quarta-feira, dezembro 02, 2015

Síndrome de Estocolmo



Acabei de completar 9 meses aqui na Suécia, 3/4 do meu ano já se foram, foi rápido e intenso demais. 

Minha experiência aqui tem sido maravilhosa e eu não quero ir embora hahaha. Eu vejo muitas meninas fazendo contagem regressiva para o ano acabar, felizes por ir embora, e eu só gostaria que o tempo passasse mais devagar, quero aproveitar cada dia, cada minuto do meu tempo aqui. 

Pensando nisso, resolvi analisar minha experiência e apesar da família ser ótima, o que com certeza ajuda muito, acredito que o principal fator de eu estar gostando tanto, é a cidade, viver em Estocolmo é a realização de um sonho.

Eu sou au pair em Estocolmo área, em Lidingö, uma área residencial e familiar, com casas enormes e paisagens de tirar o fôlego, cenário de filme mesmo. Para chegar ao centro de Estocolmo preciso pegar um ônibus e o metrô, apesar disso, o percurso demora apenas 25 minutos durante o dia. Nos finais de semana e a noite acaba demorando mais, porém, o metrô funciona 24 horas aos finais de semana e tem ônibus noturno a madrugada toda, o que facilita muito a minha vida. É muito chato sair já com hora certa pra voltar e ter q passar a noite de olho no relógio, para não perder o trem pra casa.

  Lidingö vista pela janela do meu quarto.

Estocolmo é uma cidade linda, eu viajei por boa parte da Europa e aqui continua sendo minha cidade favorita. As paisagens são lindas, a cidade velha é um show a parte, com cafés e bares típicos no subsolo, a vida cultural é intensa, principalmente no verão, varias exibições e shows gratuitos ou a um preço bem bacana, os suecos apesar de fechados, são normalmente gentis e solícitos.

Show da Jessie J no Gröna Lund.

Entretanto, uma das coisas que mais me fascinam em Estocolmo é o transporte publico, eficiente, integrado, pontual e confortável, ainda assim, muitos suecos reclamam, e eu sempre digo para eles, que o dia que pegarem metrô em São Paulo, 6 da tarde, a gente conversa melhor sobre o assunto hahaha.

Se tem uma coisa que é importante na vida da au pair na Europa, especialmente aqui na Suécia, é o transporte publico. É muito raro uma família oferecer carro para au pair aqui, fora que manter um carro também não é barato, além de ser um pesadelo encontrar um lugar para estacionar no centro da cidade.

Inclusive, acho importante lembrar que, cidade no interior da Suécia é interior mesmo, daquelas que tem um mercado, um restaurante e uma escola. Quando você estiver conversando com a família, use e abuse do google, o transporte aqui apesar de excelente é caro, muitas vezes você vai pagar mais caro para vir do interior para Estocolmo, do que pela passagem internacional. 

O que salva minha vida aqui é o SL card, apesar de caro (790 coroas mensal), ele te permite andar de forma ilimitada de ônibus, metrô, trem e barco, por Estocolmo e região. Uma boa dica é tentar negociar com a família para eles pagarem o SL, algumas meninas trocam por um extra de vez quando, eu por exemplo, e acredite, poupar essa grana pode salvar o seu mês.


Gröna Lund visto do barco que podemos pegar utilizando o SL.

Em resumo, acredito que localização é um fator muito importante, e na minha opinião, decisivo, para que você tenha ou não, um bom ano aqui na Suécia, especialmente se viajar por outros países estiver nos seus planos. Eu sou au pair em Estocolmo mas vale lembrar que na Suécia tem mais 2 grandes cidades, Gotemburgo e Malmö.

É isso, quis compartilhar com vocês um pouquinho do amor que tenho por essa cidade e como vai ser difícil se eu realmente tiver que deixa-la.

Vejo vocês no próximo dia 02.

Vi ses :)

Instagram @laynaeuropa

2 comentários :

  1. Ótimo post, Lay! Você realmente sabe passar a sensação maravilhosa que é Estocolmo! E você sabe o quanto eu também amo essa cidade! E a gente tem história com esse cartão de transporte hein?! Vou nem falar do ticket do celular rsrsrs!
    Puss, vi ses senare!
    Anna Morbeck

    ResponderExcluir
  2. Estou com um sentimento bem semelhante completando quase um ano aqui Layanna, muito bom seu post, adorei! :)

    ResponderExcluir