quarta-feira, abril 20, 2016

PRA QUEM JÁ É AU PAIR


O que fazer quando parece que não tem mais solução?

Nós primeiros dias/semanas/meses é comum você achar que está na melhor família do mundo, não que a melhor família do mundo não exista, mas a convivência é o pior inimigo. Quem nunca começou a namorar um príncipe e com o tempo descobriu que ele não passava de sapo? O que acontece é que quando você conhece alguém novo, você quer ser simpático(a) e com o tempo você acaba não se preocupando mais. É comum nós mulheres nos arrumarmos todas pro primeiro encontro e quando chega no décimo encontro usamos havaianas ou pior, crocs ahhahah (ok, brincadeiras a parte).

A convivência com a nova família acaba se tornando difícil depois de um tempo, afinal você acabou se tornando "parte da família", ou a au pair. Coisas que antes eles relevavam pois você estava aprendendo começou a ser sua obrigação, portanto erros deixarão a host family pissed off. Nesse caso tente entender que por mais parte da família o programa diga que você é, você ainda está trabalhando pra eles, você é uma funcionária. Assim como se você cometer algum erro em uma grande empresa seu chefe ficará puto é o mesmo que acontece com seus hosts.

Se com a própria familia nós temos desentendimento imagina com sua host family. A diferença é que nossos pais tem que nos amar sempre, não importa quantas coisas erradas fazemos, já para nossa host family sempre existe Rematch (hahha).

As Kids que antes eram um amor, lindas e fofas começam a se tranformar em mini monstros. O que acontece é que assim como você chega na casa toda animada querendo ficar com as kids, ama-las e depois de um tempo as trocam pelo celular, a mesma coisa acontece com elas. No inicio eles querem sua atenção, sua amizade, te mostram todos os brinquedos, querem ficar com você todo o tempo, depois você não passa da chata que coloca limites e fala não todo o tempo.

Todas as mudanças acimas são TOTALMENTE normais. O que temos que fazer é lidar com as as mudanças e lembrar porque viemos. Assim como em empresas temos que engolir sapos e na vida de au pair nós fazemos o mesmo. Tente o máximo não reclamar, pelo simples motivo, pensamentos ruins atraem mais pensamentos ruins. Lembrando: desabafar é diferente de reclamar. Saia com as amigas quando quiser relaxar. Faça uma viagem, nem que seja pra cidade ao lado com o Megabus, sozinha ou com amigas. Agradeça pelas suas conquistas. E por último pense na situação do Brasil que afastará todos seus problemas (hahahahhaha). E lembre-se: por mais ruim que esteja isso é temporário, todas nós já passamos e um dia você agradecerá.

Por:  Stefani Barbosa 

Youtube : Clique aqui 
Blog: Clique aqui
Instagram: @Stehbarbosa
Snapchat: Steeh_barbosa

Um comentário :