terça-feira, maio 10, 2016

Um post pra contar como está a minha vida.



Com a correria que foi o meu término do programa, não consegui conciliar muita coisa ainda...
Meu ano de Au Pair acabou dia 22 de março, porém fiquei o meu travel month nos EUA e boa parte dele, ainda morando no quarto de hóspedes na casa da minha host family. Eu conheci a nova Au Pair finalmente depois de quase 4 meses nos falando todos os dias por whatsapp. É engraçado até o quanto nos tornamos amigas e percebemos as coisas que temos em comum uma com a outra, apesar de termos personalidades bem diferente. 
Ficar na casa da host family enquanto a nova Au Pair já está lá, foi um pouco cansativo e se eu pudesse, teria ido me embora assim que acabou hahaha, isso porque a minha baby me queria boa parte do tempo quando me via e choraaaava horrores se a nova Au Pair fosse tentar pegá-la de mim e também porque parece que a relação com os hosts de certa forma muda e que você está ali só dando trabalho hahaha Mas ai vocês me perguntam: "Mas por que você ficou então?". Bom, eu acabei ficando quase duas semanas trabalhando com a nova Au Pair e mostrando pra ela da rotina e etc., depois por uns dias viajei pra Disneyland que ainda não tinha conhecido (só conhecia a Disney World) e porque ia ajudar uma das mães das amiguinhas da minha kid maior durante o Spring Break.
Eu fui embora sem realmente me tocar que estava indo, não sei se é porque já tinha uma outra viagem marcada ou se é só questão da minha personalidade de me fechar para aquilo que eu não quero sofrer. Mesmo assim, dói ainda! A verdade é que eu acho que já estava tão acostumada com a minha vida e rotina nos EUA que não estava preparada ainda pra acabar com aquilo. Apesar da minha kid maior mimada e tudo mais ter me dado muito trabalho, eu fui muito feliz durante o meu intercâmbio. MUITO MESMO! Lembro com carinho de tudo e acho que faria tudo de novo. Aprendi tanto!
Voltei, fiquei uma semana em São Paulo e foi gostoso ver minha família e comer muita coisa que me fazia falta, mas pra mim foi estranho porque parecia que minha casa não era minha casa mais e que o sabor da comida mudou, incrível como a gente estranha tu-do. Acho que isso tudo vai fazer parte da readaptação, que eu já posso dizer que sei que não vai ser nada fácil.
Agora, escrevo de Londres, terra da rainha, onde cheguei dia 28 de abril e fico até 8 de junho pra fazer um curso curto de MKT. Quem me conhece sabe o quanto eu amo essa cidade e o quanto sempre quis passar um tempinho aqui. Pena que é uma cidade cara e não deu pra ficar mais do que isso. Vou também por uma semaninha pra Grécia, o que eu mal posso esperar! Posso depois também escrever um post em como foi ficar aqui esse tempo e falar um pouco mais sobre como vai ser a minha readaptação no Brasil quando eu voltar definitivamente em junho.

Beijo grande e força na peruca!     

0 comentários :

Postar um comentário