sexta-feira, agosto 26, 2016

Eu tenho um namorado... será que abro mão do programa?


Oi, gente!!!

Esses dias me perguntaram... poxa, será que eu vou ser au pair e deixo o meu namorado aqui ou abro mão e fico com ele?
É uma decisão muito pessoal, gente.... é o tipo de conselho bem difícil de dar, pois se der errado, em algum momento, as pessoa sempre tendem a culpar quem "deu pitaco"... mas eu sinto vontade de dividir com vocês a minha primeira experiência de intercâmbio.
Quando eu fui fazer meu primeiro intercâmbio, decidi ir pra Inglaterra: primeira vez viajando sozinha, primeira vez estudando fora e passando tanto tempo longe. Na época eu tinha 22 anos e fui somente para estudar, sem ser AuPair. Eu estava num namoro de 3 anos, tinha acabado de ficar noiva e meus pais insistiram para que eu fosse, pois era naquele momento que ele tinha condições de me bancar, a idade e tudo mais.
Pois bem, de coração apertado, eu decidi ir. Já tinha ouvido "n" histórias de pessoas que tinham ido e quando voltaram terminaram pois ou tinham traído ou sido traídas. Conversei com o meu então noivo e propus que terminássemos pois eu estava encanada com as coisas que tinha ouvido e a primeira reação dele foi "fofa". Nãoooooo, de jeito nenhum! Você não pode estar falando sério!!!! Você pensa em me trair? Porque eu não vou fazer nada aqui, não! Meu intercâmbio era de 6 meses.
Me senti super amada, amando ainda mais meu super noivo que jurou tanta fidelidade... #sqn
Fui, trocamos cartas, mensagens, e-mails, cartões, juras e foi lindo!
Durante a viagem, tinha um turco que me seguida até em casa todo os dias! E os espanhóis? Misericórdia... eles amam as brasileiras!!!
6 meses depois.... volto eu, feliz, todos foram no aeroporto me receber com faixa, gritaria, balão... tudo bem normal rs.
Perto do Natal, eis que meu celular toca e era uma serumaninha falando que era a namorada do meu noivo e que estavam juntos tinha 6 meses e que ela sabia de mim mas eu não sabia dela e ela só tinha resolvido contar, pois ele tinha arrumado uma terceira e ela não aceitava ser corna.
Claro que de cara, eu não acreditei, mas ela começou a me contar coisas que eu tinha contato por email e telefone pra ele, durante a minha viagem.... meu mundo desabou. Terminamos.
Graças à Deus, eu não deixei de ir, mas deixei de conhecer pessoas fantásticas por causa do meu compromisso...
Meu conselho, pra você que decidiu ler até aqui é: VÁ SER AUPAIR!!!!! Se apareceu essa oportunidade, vá! Se o seu love for pra ser seu, vai ser com você indo, mesmo! Se você vai terminar ou não, só o tempo vai dizer, mas eu digo que, ainda mais na sua juventude, vale à pena você investir em você: tempo, momentos, experiências... seja a sua prioridade sempre! Seja do bem e tudo que for pra ser seu, vai ser...
Se quiserem conversar sobre isso, ouvir opinião de uma pessoa experiente e imparcial, só me mandar mensagem!
Beijos, até o mês que vem!!!

Um comentário :

  1. Meninaaa que novela mexicana!
    Pior que eu estava nesse "dilema" mesmo, 99% decidida a ir mas aquele 1%... hahah
    Enfim, também acho válido dar um tempo enquanto está no intercambio, sei lá depende de cada um claro, mas é um pouco de egoísmo ir para um outro país, largar o crush aqui sozinho e ainda esperar que ele não conheça ou fique interessado em alguém. Assim como é injusto consigo mesma, se privar de experiências únicas e pessoas maravilhosas que pode conhecer lá... bom, minha opinião rs
    Parabéns pelo post Kelly, vlw por compartilhar sua experiência :)

    ResponderExcluir