sexta-feira, agosto 05, 2016

Um Date Bem Americano

Heys Guys!! What's up!!




Como o texto que eu estava escrevendo (passei horas) acabou que não salvou, estava quase desistindo de escrever para vocês e ir dormir. Maaaaas, não queria passar esse mês em branco e faltar com vocês, fiquei meio sem ideia mas aí acendeu aquela lâmpada na minha cabeça e eu me lembrei que quando ainda estava no Brasil adorava ler sobre os dates das meninas, se você gosta de ler também, vai adorar esse, foi tudo muito fofo e romântico tudo muito açucarado e no bom estilo cinderela, escuta só...


"Havia chegado apenas há duas semanas atrás no estado da California, e apenas 3 semanas nos Estados Unidos. Tinha tentado duas ou três vezes usar um ou dois aplicativos de relacionamentos, desses bem famosos, não gostei, não tinha muita paciêcia para aquilo, pensei.

Alguns dias se passaram e depois de um longo e exaustivo dia de trabalho, eu me senti um tanto carente e necessitava de umas poucas palavras amigas, ou de um belo de convite pra sair pra jantar, nem que fosse para comer um hamburguer. Lembrei dos tais aplicativos e resolvi tentar um novo, sem muita esperança já que eu não tinha tido muito paciência com os anteriores.

Passei aquele final de semana com a host family, e nenhum sinal de alguém interessante ou que me convidasse para sair pelo aplicativo, sem falar do meu medo disso acontecer porque o meu inglês é péssimo e eu só iria passar vergonha, mas ao mesmo tempo eu queria conhecer alguém legal e ter um famoso o 'date'.

Para a minha surpresa,durante o trabalho, recebo uma mensagem no perfil
' Hi, how are you'

Corro para dar aquela checada no perfil. Moreno, alto, engenheiro, jeito engraçado de responder aquelas perguntas embaraçosas do perfil, o tipico cara que eu não sairia no Brasil, e não era por falta de interesse meu haha.

papo vai e papo vem,ele me convida para um date na terça-feira. Fiquei super assustada e ansiosa. Cheguei do Brasil com a mala quase vazia de roupas e sapatos que era pra eu encher aqui nos EUA, e com que roupa eu iria sair com aquele gatoooo?

Chegou a terça-feira e eu na cara e na coragem escolhi uma camiseta preta básica, uma sapatilha super básica também, e uma saia LARANJA! SIMMM LARANJA! Era o melhor que eu podia fazer, ainda não tinha comprado maquiagem, me virei com um pó antigo que eu roubei da minha irmã, um rímel seco que eu não tentei usar, uma máscara de cílios quase seca e um batom rosa choque que eu dei umas batidinhas de leve pra ele dar apenas um tom rosado.

Recebo aquela mensagem dizendo que ele já estava na rua que eu combinei, subi as escadas, dei tchau para host mom e fechei a porta. Fui caminhando e subindo as ladeiras aqui da bay area, um frio de congelar a espinha mas permaneci com o suéter no braço, e fui procurando o rapaz.

Vários carros parados em frente às casas e eu tentava procurar qual seria o dele ou se de fato ele estava ali, e eis que sai um homem lindo de dentro de um camaro prata, tentei não encarar porque se o meu date estivesse de fato ali, ele não iria querer me ver babando por outro cara, mas pra minha sorte, aquele homem lindo era o meu date!

Ele acenou e chamou meu nome com aquele sotaque fofo. Eu fiquei sem jeito. Disse: Hi, are you *****?

Ele fez que sim com a cabeça. Abriu a porta do carro pra mim, nesse momento o mais dificil foi fingir que tudo aquilo era muito comum, o boy lindo, aquele carro que eu só via de longe no Brasil, e o jeito educado dele. Lembro que quando eu tinha um namorado no Brasil eu tinha quase que implorar pra ele abrir a porta do carro pra mim, ele se sentia menos homem fazendo isso pra então namorada dele. Águas passadas.

Ele entrou no carro e foi me dizendo o que havia planejado para aquele nosso date, um jantar no restaurante mexicano com uma vista incrivel para o mar, e eu amo admirar o mar. Me perguntou durante o trajeto como eu estava me sentindo na bay area, quanto tempo eu estava vivendo ali e quanto tempo eu iria ficar, perguntei sobre o que ele fazia e se gostava, ele disse que sim!

Chegamos no estacionamento do restaurante eu tentando catar meu celular pra colocar dentro da bolsa e não podia esquecer de levar o suéter, ele lindo desceu do carro primeiro e foi direto abrir a porta pra mim, me derreti por dentro.

Foi bem divertido no restaurante, a comida era ótima (minha primeira vez comendo comida mexicana) a vista era deslumbrante e o boy nem se fala.

Saimos de lá e ele me levou pra um lugar muito perfeito, pertinho do mar, saimos do carro (ele abriu a porta de novo) e fomos caminhar, sentamos e o vento não perdoava o meu cabelo e nem a minha espinha, o suéter de lã parecia nada, eu estava morrendo de frio, ele me abraçou...

Não queria cortar o clima mas eu ainda continuava com frio, então ele foi buscar um moleton dele no carro, e vejam só, o moletom virou quase um vestido pra mim, mas foi fofo.


Nos beijamos. Sim, no primeiro encontro nós nos beijamos, e nos abraçamos logo depois.

Ele me levou de volta pra casa, obviamente antes da meia noite (curfew), e durante o trajeto não parou de falar nos nossos proximos encontros; praia, camping, cinema..."




E foi assim o meu primeiro date americano, bem fofo!






Até o próximo dia 5 com o post certo kkkkk (espero!)


Instagram: maariagama






14 comentários :

  1. Maria......que história de filme, que romântico.... hahaha
    Aproveita amiga! Bjus

    ResponderExcluir
  2. Meninaaa que encontro romântico, fiquei suspirando aqui hahaha
    boa sorte com esse boy :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foooi simmm! Obrigada =)

      Excluir
    2. Foooi simmm! Obrigada =)

      Excluir
  3. E voces continuam saindo ? Fiquei na curiosidade!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A gente continua saindo sim! ;)

      Excluir
  4. Quero saber o resto tambem , e o que aconteceu nos proximos !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A gente acampou (foi muuuito legal!), fomoos vestidos com os uniformes de star trek pra ir assistir o filme juntos no cinema, fizemos um piquenique no park... Essas coisas haha

      Excluir
  5. Amei a historia, sonho de todas! quero saber o final da historia ou começo rs *--*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A vida de au pair é meio incerta, mas até agora estamos durando hahaha

      Excluir
  6. Amei o post!! Parabéns =)

    ResponderExcluir
  7. Amei o post!! Parabéns =)

    ResponderExcluir
  8. Oi, nossa que história incrível! Que sonho.
    Vi nos comentários que continuaram, que legal.
    Mas fiquei curiosa com uma coisa, vc disse que seu inglês é ruim, qual era o nível? Como conseguiu conversar com ele? Tenho muita curiosidade pois meu inglês tbm não é muito bom e pior tenho vergonha de errar muito, sou tímida... e estou meio que prestes a ter um date com um americano que já sou muito afim e estou muito insegura, quero muitooo conhecer ele mas as vezes até penso em não ir por causa do meu inglês. Me dê algumas dicas please.

    ResponderExcluir