domingo, outubro 30, 2016

PERREGUES DE AU PAIR: Solidão é um prato que se come frio



A gente tem mania de fantasiar antes de se tornar au pair,o mundo perfeito no país perfeito, com pessoas perfeitas. Mas eu vejo te contar uma novidade. Ainda que, você faça amigos maravilhosos, tenham um lindo namorado, tenha a HF perfeita. Você esta sozinha nessa jornada, no sentido literal e figurado.




Hoje eu iria abordar um outro assunto mas resolvi dar um “ACORDA MENINA”, no meu nada singelo perrengue de Au pair.


Lembro bem, de um dos meus piores dias aqui na Alemanha, tudo o que era possível dar errado deu. Eu perdi o ônibus, o avião, o trem, o bote. Eu perdi meu cartão, eu perdi dinheiro também. Quando finalmente eu estava voltando pra casa, eu perdi o ônibus pra Nuremberg, lá estava eu, sentada, sem dinheiro e sem cartão, O QUE DIABOS EU IA FAZER? meu celular não tinha bateria, o banco estava fechado. E agora? Bom, achei uma Lan house e efetuei a compra do ticket pela internet (meus últimos trocados), estava salva. SQN! No trem, tive a infelicidade de sentar ao lado de um cara que tentou me assediar, ele se sentiu no direito porque, es tava na cara que eu era estrangeira. Tive que chamar o fiscal, foi constrangedor. Tudo bem, estava resolvido, eu ia pra casa.
Quando cheguei a estação, vi que o trem regional que pegaria pra casa havia sido cancelado, porque havia tempestade de neve (não era nem inverno mais), pensei ok, espero o próximo que virá em 2h, estava muito frio, na leva havia perdido minha luva e minha touca. Mas valeria a pena, estava chegando ao fim.
O trem veio, atrasado, quando sentei e olhei a neve pela janela, senti aquele nó na garganta e a vontade de chorar. Ja tinham passado 24h que estava de pé, queria comer, tomar banho e dormir, e em breve isso seria uma realidade.
Que sorte, pensei. Peguei o ULTIMO trem...
Quando chegou próximo a minha estação, o trem não parou. COMO ASSIM? ELE NÃO VAI PARAR AQUI? Eu gritei. E o fiscal disse, acho que foi um erro senhora, você terá que descer na próxima estação. Meu coração gelou, NÃO! E agora?? Talvez eu consiga descer na próxima e pegar um voltando. Cheguei na estação, corri. Mas não havia mais trens, não havia ninguém.
Só eu, e a neve. O ultimo trem tinha acabado de partir.
A neve cada vez mais grossa, embaçava minha visão, eu estava sozinha na plataforma, ja era tarde. meu cabelo e cílios era pedras de gelo. Eu chorei, chorei muito, Não uma “lagriminha” no canto do olho, chorei como um recém nascido que vem ao mundo, sem entender nada. Foi assim que me senti, como um bebe, impotente, vulnerável. Não por causa do trem, isso pode acontecer a qualquer momento, e COMIGO ENTÃO, acontece sempre. Mas era porque, eu escolhi aquilo. Eu escolhi viver aqui sozinha, era o preço que eu estava pagando por sair da minha zona de conforto. E doeu.
Aquele dia eu descobri, que eu realmente estava sozinha aqui. Aquilo me doeu a alma, o coração, e eu chorei desesperadamente por minutos, ajoelhada na neve, no frio.


Até que, tive a boa ideia, de procurar algum fiscal, alguém na proximidade que fizesse parte da cia de trem, que pudesse me ajudar. Achei uma senhora, que me emprestou o telefone, liguei, ninguém atendia. Consegui enfim que os avós dos meus kids fossem me buscar, e a única coisa que conseguia fazer era agradecer e chorar quando me deixaram em casa, eu abracei todo mundo. Eu entrei. Quis arrumar minhas malas e voltar pro Brasil no dia seguinte, mas não voltei. Acordei cedo, e trabalhei, porque a vida segue pra todo mundo, e não importa onde você more, Ninguém espera você ficar bem.





Ser au pair é, aprender a contar apenas com si mesma, e entender que a gente pode sim romper as barreiras que nós construímos na nossa mente. O medo e problemas são inevitáveis, como lidamos com isso, é que define o quanto crescemos.
Existem desertos na nossa vida, que teremos uma mão amiga para nos carregar, e existem outros que temos que atravessar sozinhos. 
Aprenda com a solidão, se conheça melhor, e você dará cada dia mais valor aos momentos com quem você ama.

Até o próximo dia 30.

4 comentários:

  1. MDS garota, precisava ler isso cara, até arrepiei aqui, parabens vc é uma guerreira que venceu a si mesma com todas as honras e méritos,merece cada conquista que tem, até salvei esse texto para ler outras vezes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!
      Todas nós au pairs somo guerreiras não é verdade? matando um leão por dia! Boa sorte na sua caminhada! Tamo junto

      Excluir
  2. Exato!! Vc pode ter amigos namorado etc mais estamos nessa vida de au pair sozinha!! É por si mesmo vc por vc mesmo e isso eh Bom pois vc se valoriza mais e aprende tbm!! E ser au pair é passar por cada perrengue ne hehe parece que temos ima pra isso .. Bjss

    ResponderExcluir
  3. Mas acima de tudo eh bom lembrar que toda essa experiência faz a gente crescer e ser pessoas mais maduras e melhores!

    ResponderExcluir