quarta-feira, dezembro 07, 2016

Estamos realmente prontos pra tudo?

 Então eu hoje queria compartilhar com vocês uma das experiências mais marcantes que eu tive até agora no meu intercâmbio.
 Foi um sábado lindo de sol no dia 19 de novembro ... Eu acordei um pouco tarde e tava com muita preguiça de me arrumar pra sair, mas eu tinha combinado com minhas amigas de comemorar o aniversário de uma delas. Quando eu me levantei minha host family estava no basquete das kids e eu poderia me arrumar com muita calma e sem estresse ( minhas kids são uns amores, mas são crianças e normalmente final de semana a casa nunca fica silenciosa heheheh tinha que desfeitear disso). Eu tava me arrumando e assistido série quando eu escutei que eles tinham chegado... Coloquei o fone de ouvido e continuei no meu quarto... Mas então eu senti como se algo bem pesado tivesse caído no chão... Em questão de segundos minha hosta abriu a porta do meu quarto com tudo pensando que meu armário tivesse caído em cima de mim, enquanto eu só achava que talvez alguma das kids tivesse caído feio, contudo vimos que todo mundo estava bem e eu só continuei... Minha hosta desceu pra ver se tinha acontecido alguma coisa do lado de fora ( nossa rua é sem saída e nós moramos no final da rua, é uma observação que acho que vale ressaltar é que moramos em NYC ), foi quando aconteceu a segunda vez... O mesmo impacto da primeira e eu sem saber o que estava acontecendo.
 Nesse momento acho que todos estávamos em pânico porque sabíamos que algo estava errado... Desci correndo pra sala e minha hosta estava gritando pra gente sair da casa pela garagem... Eu não peguei nada ( Meu celular tava carregando, meus documentos todos no quarto)... Saímos correndo pela porta da garagem no último andar... As crianças gritando dizendo que estavam com medo, meu hosto ligando pra emergência, minha hosta com a baby no colo, enquanto eu tentava acalmar os mais velhos dizendo que tudo estaria bem e que eles estariam seguros conosco ( embora tudo que eu quisesse era a minha mãe do meu lado me falando isso ).
 As crianças sentaram na saída da garagem que forma uma rua paralela à nossa.., minha hosta me disse que viu da janela uma explosão e que um carro na rua pulou com isso.,. Ela tava tremendo. E a última é mais forte explosão aconteceu... Eu não consigo me lembrar de nada depois da explosão até estar correndo com a baby no colo pra longe da nossa rua e ver uma mulher caída no chão com uma criança... Na minha cabeça o maior risco que teria em morar em NYC seria o terrorismo e naquele dia eu sentia como se todo o meu medo fizesse sentido.
 A polícia e os bombeiros chegaram muito rápido, fecharam toda a rua e nos trouxeram paz ao garantir que aquilo não tinha sido um ataque terrorista, segundo eles foi alguma tubulação de gás que fez ocorrer aquele incidente.
 Eu me senti abençoada naquele momento por não estar sozinha em casa quando tudo aconteceu, ou pior, estar apenas eu e as kids em cada. Eu não sei se eu saberia como proceder e como proteger meus 3 pestinhas. Eu não tava preparada pra tudo ... Nunca imaginei um incidente desse ou o que eu faria se um dia qualquer incidente acontecesse. Depois disso eu fiz bolsas pra gente com roupa, comida não perecível, água e documentos pra se algo voltasse a acontecer a gente pudesse fugir rápido e ficando um pouco mais tranquilos.
 Eu espero que vocês nunca passem algo assim, embora não tenha sido terrorismo como pensávamos, foi algo que causou transtorno é muito pânico.

0 comentários :

Postar um comentário