terça-feira, maio 09, 2017

Au pair na Bélgica (Passo a passo)



Hey! No post de hoje eu vou contar pra vocês como funcionou o MEU processo pra ser au pair aqui na Bélgica. Então pega o papel e a caneta, que pode ser que você se interesse. Vamos lá!

Etapa 1: ENCONTRAR UMA HOST FAMILY

A melhor forma de encontrar uma host family, é no site Au Pair world. Existem algumas agências que fazem o programa pra cá pra Bélgica, mas como no meu caso eu precisava de uma host family pra ontem, eu foquei no au pair world, e mandei mensagem pra todas as famílias da Bélgica. Eu honestamente, não estava ligando pra nada, só queria vir pra Bélgica, por motivos de "negócios". Risos. <3.

Depois de todo esse processo de mandar mensagem, atrás de mensagem, Skype com a família, match e etc, começa a pior parte...

Etapa 2: ORGANIZAR TODOS OS DOCUMENTOS (Parte 1 - Working Permit)

Pra quem não sabe, na Bélgica o processo se divide em duas partes. Primeiro você aplica para o WORKING PERMIT, e depois de aprovado Você aplica pro visto de au pair.
Quem acompanha meus posts, e o meu canal no youtube (Ingrid Costa), sabe que eu odeio essa parte burocrática, mas tive que fazer. Eu estava em Londres, então minha mãe, e minha amiga Ingrid Mendes (Beijos suas lindas) tiveram que mandar alguns documentos que estavam no Brasil direto pra Bélgica.
Algumas coisas eu tinha comigo em Londres, e mandei pra Bélgica pelo correio.

Etapa 3: CERTIFICADO DO MÉDICO

Isso poderia entrar na etapa 2, mas foi tão complicado encontrar um médico certificado pela Embaixada Belga, que estivesse com tempo na agenda pra atender, que isso merece ter uma etapa própria. Eu praticamente tive que chorar no telefone, pedindo um tempinho na agenda do médico, pois eu precisava enviar esse documento o mais rápido possível.
Acho que o médico ficou com tanta pena do meu desespero, que me perguntou coisas básicas, só pediu pra eu dizer Sim ou Não, e acabou a consulta. Porém, 90 pounds.
Se vocês quiserem, eu posso colocar nos comentários todos documentos necessários. Okay?

Etapa 4: AGUARDAR A APROVAÇÃO DO WORKING PERMIT

Essa etapa vai depender muito do seu caso, cidade, host family. No meu caso, nós aplicamos UMA SEMANA antes do meu aniversário de 26 anos,ou seja, não poderia mais ser au pair aqui na Bélgica. Então meu host dad, ficou indo lá o tempo inteiro pedindo pra terem urgência no processo. Resumindo, o working permit chegou no dia do meu aniversário. Risos. YAY!

Etapa 5: ORGANIZAR TODOS OS DOCUMENTOS (Parte 2 - Visto de Au pair )

Nessa parte do processo eu estava de férias no Brasil, eu consegui organizar tudo sozinha (clap clap). Na verdade, não é muita coisa, mas são coisas chatas. Tem que ir no cartório pra apostilar os documentos, tem que traduzir documento. Agora, imagina eu tendo que resolver essas burocracias todas, final de fevereiro. Ninguém respondia meus e-mails, a tradutora demorava dias pra responder, enfim. Separei todos os documentos que tinha que trazer pra Bélgica. Não traduzi os documentos, e deixei pra traduzir aqui na Bélgica mesmo.

Ah, importante falar que o processo do visto pode ser feito no Brasil pelo consulado da Bélgica, ou você pode fazer aqui na Bélgica mesmo, na prefeitura que foi o meu caso. Eu escolhi aplicar o visto na Bélgica, pois se eu fizesse no Brasil eu ia ter que arcar com tudo, e não tinha dinheiro. Aplicando aqui na Bélgica, meus hosts pagaram todas as taxas, que não faço nem ideia do valor, mas se vocês quiserem saber comentem aqui, que descubro.

Etapa 6: REGISTRO NA PREFEITURA

Assim que eu cheguei na Bélgica, eu e meus hosts fizemos o meu cadastro. Acho que já fui na prefeitura umas 5 vezes. Mas basicamente, você apresenta todos os documentos, e a comprovação da tal taxa paga, e você recebe um papel dizendo que você aplicou pro residence permit e etc. Depois disso você tem que aguardar a visita do Policial na sua casa. Pra seguir o processo.

Etapa 7: VISITA DO POLICIAL

O policial coitado, veio aqui em casa várias vezes e eu sempre estava na Holanda. Mas finalmente, depois de 3 semanas tentando me encontrar em casa, o policial veio aqui, visitou o meu quarto, perguntou se eu estava gostando de morar aqui na casa, falei que sim, e acabou a visita. 

Etapa 8: PAGAMENTO DA TAXA DA ID 

Depois de uma semana que o policial veio aqui eu recebi um e-mail da prefeitura pedindo pra eu ir lá levar mais duas fotos, e pagar uma taxa de 20,90. 

Minha ID ainda não chegou, mas agora todas as etapas já foram feitas. 

O post ficou grande, mas queria explicar pra vocês passo a passo como aconteceu o meu processo, pois eu senti muita falta de ter tido um parâmetro pra olhar quando estava no meio disso tudo. Espero que esse post ajude alguém que está pensando em vir pra cá pra Bélgica. E se vier, e estiver por Antwerp me avisa hein?


Ah, não esquece de se inscrever no meu canal do youtube e acompanhar tudo que eu faço aqui na Bélgica! Sério, estou me divertindo muito gravando os vídeos!

Instagram: Ingrid Costa Blog
Snapchat: Ingridscosta1

Vejo vocês no próximo dia 9!
Beijos,
Ingrid Costa







Um comentário :

  1. Oi eu também vou fazer meu processo aqui na Bélgica. Você pode listar os documentos e dizer quais foram apostilados e quais foram apenas traduzidos ? Obrigada

    ResponderExcluir