segunda-feira, outubro 30, 2017

Skype: dicas e perguntas para a host family


Precisa de ajuda para se preparar para o skype com a host family? Então o Blog das 30 au pairs vai te ajudar.

Bom dia pra você que está lendo esse texto feito com muito carinho pra você. Vou compartilhar algumas dicas e perguntas que eu costumo fazer na entrevista com as host families. Let's go!

Eu considero muito importante se preparar antes do skype para garantir que você passará uma boa impressão a família. 

Sim, as famílias reparam no seu desempenho no skype. Elas reparam se você faz perguntas importantes, se você pergunta sobre as crianças ou se está mais interessada se vai poder ir pra balada sem hora pra voltar e passear com o carro da família nos dias off.

Minha atual host family por exemplo, está a procura da nova au pair e minha host mom disse que repara se a au pair tem interesse em saber das crianças, se faz perguntas cabíveis e importantes, ou se está mais interessada em ter carro e cartão da academia.

Gente, isso é óbvio. As famílias normalmente procuram por au pairs que mostrem que realmente gostam de crianças e que estão interessadas em conhecê-las. Então minha dica principal é: comece perguntando sobre as crianças e a família, e deixe por último questões como os benefícios que a família oferece.


Algumas perguntas que considero importante

Rotina da família:
  • peça para a família descrever como é a rotina semanal da família (que horas acordam, horário de tomar café, que horas as crianças vão pra escola e etc.);
  • pergunte como seria o schedule semanal da au pair;
  • qual o horário que os pais chegam do trabalho;
  • se a família pede para a au pair fazer babysitting, com qual frequência e se há algum pagamento ou compensação extra (compensação pode ser mais tempo off);
  • pergunte quais são as tarefas domésticas que você tem que fazer e com que frequência;
  • pergunte sobre as regras da casa.

Crianças:
  • pergunte sobre atividades extras que as crianças fazem;
  • pergunte se as crianças tem o costume de brincar na casa de amigos ou se trazem amigos para casa;
  • pergunte sobre as preferências das crianças por comida e brincadeiras;
  • pergunte sobre as línguas que as crianças falam;
  • pergunte sobre o que eles podem e não podem fazer (por exemplo, assistir tv, brincar com o tablet, comer doces e etc.);
  • pergunte quais são os métodos de punição que os pais adotam para educar as crianças.
Esta última pergunta deve ser tratada de maneira cautelosa para não soar de forma negativa aos ouvidos dos pais. Eu começo dizendo que meu método de disciplina é "time out". Ou seja, coloco as crianças de castigo por alguns minutos para pensarem no que fizeram de errado.


Acomodação:
  • se a au pair terá quarto e banheiro privado;
  • se o quarto possui entrada privativa;
  • se as crianças respeitam a privacidade da au pair quando ela esta no quarto;
  • se a porta do quarto tem tranca.
Algumas pessoas acham estranho essa pergunta sobre a tranca, então seja cautelosa ao fazer a pergunta. Eu normalmente explico que gostaria de saber sobre a tranca, pois tenho colegas au pairs que não tem tranca na porta do quarto e as crianças entram e saem do quarto quando querem. O que pode até ser perigoso sem a supervisão de um adulto (devido a aparelhos cortantes como, tesoura, lâminas de barbear e etc).


Comida:
  • pergunte se a família tem alguma dieta específica ou restrição alimentar;
  • pergunte se a au pair terá que cozinhar para as crianças ou para a família toda;
  • pergunte se a au pair é responsável pelas compras no super mercado ou por fazer a lista de compras da semana;
  • pergunte sobre os hábitos alimentares da família: o que comem no café da manhã, almoço e janta.
A última pergunta é bem importante para que você não seja pega de surpresa ao chegar na casa da família e descobrir que não terá leite ou pão pra tomar no café da manhã por exemplo. 

Caso haja alguma comida que você sente a necessidade de comer diariamente ou frequentemente, avise a família para saber se eles estão de acordo ou se você poderá adicionar suas preferências em uma lista separada. 

Também é muito importante você mencionar se possuí alergia, restrição alimentar ou não come algum ingrediente específico.


Tempo livre (folga e férias):
  • Pergunte quais são os dias off (folga) da au pair;
  • pergunte se você terá de trabalhar nos feriados nacionais;
  • pergunte quando você estará de férias e por quanto tempo;
  • pergunte se a au pair tem curfew (horário pra chegar em casa) nos dias da semana e final de semana;
  • pergunte a partir de que horário você está livre durante a semana (por exemplo depois do jantar, ou um horário específico);
  • pergunte sobre summer holidays (como será a rotina da au pair, quantas horas trabalhará e etc.);
  • pergunte sobre viagens com a família (como funciona).
Viajar com a família nem sempre é uma tarefa fácil, pois o que acontece frequentemente é que, você nunca sabe quando está trabalhando e quando não está. Então pergunte como será seu schedule enquanto estiver viajando com a família, pergunte se a família arcará com os custos da viagem e o que é responsabilidade sua de custear.


Curso de idioma:
  • pergunte se a família se disponibiliza a pagar pelo curso de idioma + material e por quanto tempo;
  • pergunte se a família paga pelo transporte até a escola ou disponibiliza o carro;
  • pergunte se a escola fica próxima da casa da família ou qual a distância;
  • pergunte quantas vezes por semana, quais dias e quantas horas na semana você estudaria o idioma.
É sempre bom tirar essas dúvidas antes do match, para evitar problemas com o transporte até a escola e dificuldade de frequentar as aulas.


Transporte público:
  • pergunte se há ponto de ônibus, estação de metrô ou estação de trem nas redondezas e qual a distância;
  • pergunte sobre a frequência em que os ônibus, metrôs e trens funcionam;
  • pergunte sobre o preço médio das tarifas.
Não se pode brincar com transporte público quando você não tem carro disponível. O transporte público pode te ajudar a ter um ano incrível ou pode dificultar a sua vida. Então pergunte tudo o que puder, pergunte o nome da companhia de transporte e pesquise você mesma sobre horários e preços.


Carro:
  • pergunte se você terá que compartilhar o carro com a família, ou se a au pair tem um carro só dela;
  • pergunte se você pode usar o carro nos dias off ou não;
  • pergunte sobre como funcionará o esquema de combustível, caso você compartilhe o carro ou use para fins pessoais no seu dia de folga;
  • pergunte se você será inclusa no seguro do carro e o que acontece em caso de acidente.
Carro é um assunto polêmico, pois muitas vezes as au pairs não estão preparadas para assumir custos extras que podem ocorrer por conta de uma batida, arranhão ou acidente. Então tire essas dúvidas com a família antes.


Amigos:
  • pergunte se você pode trazer amigos na casa;
  • se este amigo(a) pode dormir ou não.
A vida de au pair pode ser solitária de vez em quando, então ter amigos por perto é sempre muito bom.


Visa:
  • pergunte quem será responsável pelos custos com o visto.

Passagem aérea:
  • pergunte quem será responsável por este custo, se a família aceita dividir o custo com você ou outro acordo.

Salário:
  • qual o salário oferecido pela família;
  • com que frequência é efetuado o pagamento a au pair (semanal, quinzenal ou mensal);
  • pergunte se o pagamento é feito em espécie ou depositado em conta;
  • pergunte se au pair tem que pagar alguma taxa/imposto sob o salário de au pair;
  • pergunte se a au pair recebe extra quando trabalha a mais e quanto.

Estas são minhas dicas para o skype com a host family. Espero que essas dicas possam ajudar vocês a se prepararem para a entrevista e terem informações suficientes para fazer uma boa escolha.

Não se esqueçam de ler o perfil da família antes da entrevista, para não errarem nomes, sexo das crianças ou cometerem gafes que podem passar uma imagem negativa sobre vocês. 

Vejo vocês nos dias 15 e 30 de cada mês. Até lá!

By Valeska Monteiro
E-mail: vikingbrasileira@gmail.com

3 comentários:

  1. Bem legal! Pensei em enviar por e-mail também

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcelle, que bom que você gostou. Sim, vc pode mandar por email, mas o que reparei é que as famílias estão sempre ocupadas ou tem preguiça de responder emails com bastante perguntas. Na minha experiência por exemplo, as vezes que mandei mais de 5 perguntas minha família pediu pra fazermos skype para esclarecer haha Então o que eu fiz foi, fazer as perguntas durenta o skype e depois enviava um resumo da conversa por email, para eles confirmarem.

      Excluir