sábado, dezembro 30, 2017

PÓS AU PAIR NA BÉLGICA: Vida nova em 2018 feat. O que fazer?

Olá leitores!
Esse é meu último post no ano de 2017 e quero abrir meu coração com vocês a respeito de como foi meu ano de au pair na Bélgica e também sobre planos futuros. Para ilustrar esse ano vou adicionar algumas fotos minhas pela Bélgica.

Meu ano como au pair na Bélgica

Quando tudo estava apenas começando | Palácio real de Bruxelas, Novembro 2016

Se você ainda não passou pela última semana de au pair, despedidas e etc., se prepare, pois essa hora irá chegar. 
Escrevo esse texto 1 semana antes de ir embora e meu sentimento no momento é 95% de felicidade e 5% de tristeza. Eu adoro minhas kids e vou sentir falta delas, mas estou realmente sonhando com uma vida nova, rotina nova, em um novo lugar. 

Meu primeiro natal na Bélgica | The Grand Place, Bruxelas - Dezembro 2016
Cheguei na minha família na Bélgica em novembro de 2016 para cuidar a princípio de 1 menino de 4 anos de idade. Minha hosta estava grávida de uma menina (paixão da minha vida) que nasceria em março do ano seguinte, e isso não foi nenhum problema para mim, pois amo bebês. Meus primeiros meses foram maravilhosos, mas como qualquer au pair tive minha crise de cansaço físico e mental em agosto; nada muito sério, lidei muito bem com a situação, porém considero esse o momento em que acordei para a vida e comecei a pensar no que eu queria e não queria para meu futuro (onde quer que ele fosse). 


Explorei as cidades mais famosas e bonitas da Bélgica | Antuérpia, Janeiro 2017
Para resumir meu ano de au pair, gostaria de usar uma palavra, APRENDIZADO. Se tem algo que esse programa me proporcionou foram lições importantíssimas que levarei para a vida. Sempre fui independente, mas aqui eu realmente enxerguei-me sozinha, num lugar novo, com pessoas que não conheço, sem minha família e amigos, numa nova cultura e outro idioma. Aprendi como lidar com meus sentimentos, a ser mais forte, a me superar, a cuidar de crianças que não são minhas com todo o amor e zelo, e pela primeira vez na vida eu vi como é difícil ser mãe; difícil e delicioso ao mesmo tempo. Minha hosta é um espelho para mim de como educar crianças, eu realmente me impressionei com a criação dos meus kids de uma forma muito positiva, e com certeza irei usar as lições que aprendi aqui com meus futuros filhos.

Eu amei te ver, Liège | Liège, Dezembro 2016

A vida de au pair não é nada fácil, tem seus altos e baixos, mas meu conselho para quem tem medo de vir é, ARRISQUE. Eu não teria vivido todas as experiências maravilhosas que tive esse ano, se eu tivesse medo de arriscar. Eu fui muito feliz aqui e minha vida ganhou um novo sentido. Finalmente me descobri como pessoa e até uma nova profissão (não é au pair gente haha). Indico o programa de au pair para todos que verdadeiramente gostam de crianças, pois não importa seus objetivos e vontades, "elas" merecem o seu melhor (mesmo nos bad days).


Um dos lugares mais lindos e românticos da Bélgica | Dinant, Abril 2017

Planos futuros

Assim que eu deixar minha família no dia 24/12 (sim, véspera de natal), embarco para Portugal, onde passarei o natal e ano novo com meu namorado.

PS: no meio do meu ano de au pair encontrei o amor da minha vida.


Deu praia na Bélgica | Oostende, Junho 2017
Após o ano novo embarco para o Brazil, onde pretendo ficar cerca de 1 mês, e depois vou ser au pair na Suécia. Sim, au pair again. Assim que cheguei na Bélgica tinha planos de continuar na europa fazendo mais um ano de au pair na Holanda e vendo onde a vida iria me levar, mas no meio do caminho tinha um boy sueco que roubou meu coração, e resolvi ir para a Suécia para ficarmos pertinho e construirmos algo muito bonito juntos. 

Onde eu vivi os meus melhores dias na Bélgica | Leuven, Maio 2017
Depois de 1 ano de au pair, se eu não tivesse conhecido meu namorado eu acho que voltaria para o Brasil, pois aqui descobri que quero me tornar tradutora, e no Brasil seria mais fácil fazer uma nova graduação (sou formada em comércio exterior). Mas Deus é tão bom, que encontrei uma universidade portuguesa que oferece cursos a distância, o que vai me possibilitar cursar a faculdade de tradução na Suécia (durante meu ano de au pair ou nos anos seguintes) ou em qualquer outro país. Meu foco durante o ano de au pair na Suécia será aprender sueco, pois é fundamental para a vida que pretendo construir.


Se chorei ou se sorri, o importante é que emoções eu vivi...a melhor frase para uma au pair | Atomium, Julho 2017
Estou muito feliz com o rumo que minha vida tomou, por todas as escolhas que fiz e por tudo que esta por vir. Me desejem sorte and here we go again.


Preparação para o inverno na Suécia feat. nevou de verdade na Bélgica feat. quase um coração feat. bye bye Belgium | Houthalen, Dezembro 2017

Feliz ano novo e continuem me acompanhando aqui e também nas minhas redes sociais. Beijos e nos vemos de novo no BR. Cya!

Por Valeska Monteiro
Twitter
E-mail: vikingbrasileira@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário