domingo, julho 01, 2018

Como já consegui viajar para 9 países em 6 meses de intercambio.


Oi gente linda, tudo bem?
Eu espero que sim!

Pra quem não me conhece, meu nome é Daiani e há seis meses sou Au Pair na Holanda.

Desde que estava buscando pelas possíveis opções de intercambio, meu foco sempre foi vir à Europa, pela facilidade em viajar para diversos países que esse continente nos proporciona. 

Não que o "número de países" viajados seja o que importa, mas sim a quantidade de culturas, línguas, costumes, gastronomia, arquitetura e história que podemos encontrar em cada diferente "terra" em que passamos. 

Pra mim, isso - esse contato com tanta diversidade - é o que conta mais do que a quantidade de carimbos no meu passaporte. Por isso que meu objetivo número 1 durante meu intercambio de Au Pair é poder conhecer (ainda que minimamente) o máximo que puder.

Porém, entretanto, todavia... como fazer isso ganhando esse nosso "exuberante" salário de 340 euros/mês? Pois te digo que é possível. Com muito sacrifício e umas doses de paranauês a gente dá um jeitinho. 

Desde que cheguei já consegui visitar 9 países: Bélgica, Inglaterra, França, Escócia, Alemanha, Áustria, Liechtenstein, Suíça e Dinamarca e no próximo mês estarei viajando para o 10º - Itália. E claro, tenho uma listinha para os próximos seis meses :)

A primeira coisa que nós, Au Pairs na Holanda (e qualquer outro ser humano desprovido de riqueza haha), precisamos é foco. Tudo depende dos seus seus objetivos e interesses, é claro. Eu não consigo, por exemplo, ir para o shopping fazer compras, sair com as amigas para baladas no fim de semana e ainda viajar mundo a fora com meu pocket money de Au Pair. Infelizmente temos que fazer opções. 

Para viajar, abro mão de muita balada e muita blusinha, porém isso não quer dizer que eu nunca faça compras, ou nunca curta a night. Faço tudo isso, porém com menos frequência do que gostaria rs. 

Procuro separar meu salário em partes, e destinar cada parte a um objetivo (X para viagem, X para balada e X para compras). Além de economizar meu salário, eu vivo muito ligada em promoções de passagens, sejam elas de trem, ônibus ou avião. 

Também costumo fazer viagens "bate-e-volta", daquelas que você sai na sexta e volta no domingo. Dessa forma se economiza com hospedagem e aproveitamos o findi em um lugar bem diferente, já que na Europa, você dá um pulinho e já está em outro país.

Vou listar algumas dicas que costumam funcionar pra mim, e espero que ajude a quem estiver pensando em vir pra cá (ou já esteja aqui) com o mesmo objetivo que eu.

SKYSCANNER (aplicativo ou site): indicado para viagens de avião, que nem sempre é a opção mais barata, porém a mais rápida. Também não é uma fortuna, pois há inúmeras cias low cost espalhadas por aqui. E pelo app é possível rastrear os destinos por preço. Digo, você apenas escolhe o aeroporto de saída e clica em "qualquer destino" e o aplicativo lhe mostra as melhores ofertas ordenas por preço (por toda a Europa e até além). É possível encontrar passagens por 15 euros o trecho. Por exemplo Amsterdam - Paris por 30 euros ida e volta (isso é mais barato que ônibus).

FLIXBUS: acredito que seja a maior companhia (ou a mais conhecida) de ônibus, que cobre praticamente toda a Europa. Você busca passagens pelo app ou pelo site, e eles frequentemente tem promoções. Recentemente comprei Berlim e Copenhagen por 12 euros cada (ida e volta!!). É o jeito mais barato (porém não o mais confortável ou mais rápido) de se viajar por aqui. Já fiz tanto viagens de 4h, como de 13h. Ótimo para trips de final de semana. 

GOEURO (aplicativo ou site): rastreador de de passagens de trens, ônibus e avião. Você busca por um destino e ele mostra as três opções de passagens (de diversas companhias).

GOOGLE VOOS (site): quando já tenho definido que vou viajar de avião, prefiro procurar pelo google voos, que mostra através de um calendário quais são os dias com as passagens mais baratas de todas (ou quase todas) as companhias aéreas disponíveis.

PM2AM: a Pm2Am é uma empresa que proporciona viagens chamadas "student trips", porém não é destinada a apenas estudantes, e sim ao público em geral. Acredito que tenha recebido esse nome, pelo preço "camarada" oferecido pelas viagens, muitas vezes procurado por jovens e estudantes. Geralmente são viagens de final de semana ou feriados, de curta duração - máximo 3 dias - para vários destinos na Europa, principalmente para as capitais e/ou cidades mais importantes de cada país. As viagens são em ônibus, e até que são bem confortáveis. Fui para a Áustria com eles, foi 12h de ida e 12h de volta e cheguei inteira rs. A vantagem é que eles são responsáveis pelo roteiro, e muitas vezes oferecem uma trip mais em conta do que uma cia de ônibus normal. Para mais informações, é só checar a pagina deles no Facebook, onde oferecerem todas as viagens.

AEROPORTOS OPCIONAIS: o aeroporto mais próximo pra mim é Amsterdam. Porém também é muitas vezes a origem mais cara. Vale muito pesquisar por outros aeroportos, que sejam próximos, por exemplo Eindhoven (outra cidade aqui da Holanda com aeroporto), ou mesmo saídas de aeroportos de países próximos. Por exemplo, na minha próxima viagem, minha saída é do Aeroporto de Bruxelas, na Bélgica, que estava com uma promoção incrível, muito mais barata que Amsterdam. Nesse caso compensa pegar um ônibus e ir até Bruxelas, e de lá pegar o voo.

Esse foi o post de hoje gente, espero que tenha contribuído com os futuros planos de viagens de vocês :)

Vejo vocês no próximo dia 01!

Beijinhos
Insta: daianitobaldini

Nenhum comentário:

Postar um comentário