sábado, abril 17, 2010

Por que eu quero ser uma Au Pair? por Srta Daniela

Essa é a pergunta que todas nós, sem exceção, temos que responder quando decidimos ser Au Pair, a resposta clássica: Eu amo crianças e quero melhorar meu inglês. Ok. Mas por trás da resposta clássica, existe mil e um outros motivos de uma pessoa tomar essa decisão.

Fugir de uma realidade aqui, umas férias da ‘‘vida real’’, mudar de ares, e no meu caso particularmente eu não caibo onde estou. Pode parecer estranho para muitas, mas, meus amigos, minha casa, meu carro, eu amo tudo isso, mas às vezes parece que não pertenço a este lugar, e resolvi sair pelo mundo descobrir onde fica meu lugar ao sol, talvez eu encontre ou talvez eu descubra que meu lugar é exatamente onde eu estava antes e comece a dar valor a essas coisas que no momento não fazem sentido para mim.

Uma das melhores ferramentas para me sentir envolvida nesse mundo Au Pair é a comunidade do orkut, acompanho a comunidade faz um tempinho, e ela me rendeu coisas muito boas, como tolerância com as diferenças, amigas, apoio, um lugar para desabafar (e ser ignorada, porque nem sempre nossas confissões tem atenção rs), informação, muita informação, às vezes eu tenho vontade de matar umas e outras mas a gente aprende a ter paciência também. Uma coisa que sempre vejo acontecer lá é a Au Pair faz uma cagada e todo mundo passa a mão na cabeça e diz "nossa como sua host é horrível! Nossa que vaca! Nossa que bruxa! Nossa que isso e nossa que aquilo." Só que eu em momentos de empatia me coloco no lugar das hosts e se eu fosse host naquela situação talvez eu também fosse agir como ela. Praticamente não me expresso quando estou contra a maré, porque pra ser apedrejada na comunidade é um minuto.

Mas ser Au Pair é uma transformação, a pessoa acima de tudo amadurece, endurece, cresce...

A minha decisão de ser Au Pair, confesso, quase fez minha mãe ter um treco, ela é uma mãe maravilhosa, cheia de coisas que me enlouquece de vez em quando me dá acessos de raiva, mas dividir essa experiência com ela tem nos aproximado.

Ela fica perto quando estou no telefone com alguma família (me vendo gaguejar), quando chega notificação ela vem correndo para eu ler o perfil da família para ela, fica fazendo mil e uma listinhas do que eu tenho que comprar, organizar, pagar, e nós duas nunca fomos assim, eu comecei a trabalhar com 14 anos para não ter que pedir dinheiro pra comprar figurinha das Chiquititas, não que ela não fosse dar o dinheiro, eu só queria ter o prazer de não pedir e dizer "olha como eu sou grande, eu compro figurinhas das Chiquititas com meu próprio dinheiro", e agora que eu estou saindo da asa dela parece que ela faz tudo isso para me manter debaixo das asas por mais uns minutinhos...

O post está confuso, falando de muita coisa, mas além da TPM do cão que ao invés de irritada me deixou antisocial, da ansiedade que fez meu estômago ficar no ritmo tele sena (de hora em hora), o que está fazendo eu virar uma bola, eu tomei a vacina H1N1 ontem e hoje estou me sentindo o coco pisoteado do cavalo do bandido, e também tem dia que eu me pergunto se eu ainda tenho culhões para agüentar o processo até o final, porque dá uma puta vontade de dormir e só acordar na minha festa de despedida com vôo marcado para o treinamento em NY no dia seguinte, com match, visto e mala tudo ok! VAI SONHANDO...

Enquanto isso, a realidade é que estou na minha terceira semana online, quatro famílias entraram no meu perfil, 3 dessas 4 eu não gostei de certas coisas de cara e não levei o contato adiante, 1 delas que entrou em contato essa semana, ainda me manda emails, mas como ela só quer para agosto eu acho que também não rola match, porque eu gostaria de ir antes... Então vamos esperando, engordando, e esperando e engordando mais um pouco hehehehe

Enquanto my dear host family não aparece, vou aqui me entupindo de bolo de chocolate de caneca de três minutos e dengo de mainha... ;)


7 comentários:

  1. Boa sorte Dani, tenho certeza que vai dar tudo certo! Essa vida de au pair veio me esclarecer muitas duvidas e hoje sou uma pessoa muito melhor, mesmo não tendo fugido da minha realidade. Torço sempre por todas essas meninas que dão a cara á tapa, não é pra qualqer um. Sorte sempre e muita fé . Força eu sei que voce ja tem! beijao - Laís Barros.

    ResponderExcluir
  2. Eu tbm comecei a trabalhar com 14 anos pra nao pedir nada a minha mae..
    E com os mesmo 14 comecei a viajar so*, sempre me achei um peixe fora d´´agua sempre me achei diferente....
    Conheçoo o brasil inteiro e um dia eu vou assim como vc achar meu lugar ao sol!!!!


    LUCK

    ResponderExcluir
  3. Ameii o post. Isso que vc fala sobre sua maãe, é quase o que acontece comigo, a minha mãe ainda não leva muito a serio essa ideia, mas ta ali do meu lado, sempre me ajudando...

    E eu tbm sigo engordando com uma put@$%@# TPM !
    odkdopaksdosdksaopdka

    beijo

    ResponderExcluir
  4. Gostei do post! Tenha perseverança que você conquistará todos os seus sonhos.

    P.S.: Finalmente vi um "bolo de caneca"! Tô louca pra provar, falta coragem de fazer. :-P

    ResponderExcluir
  5. Obrigada por comentar no meu post!!!
    Esse negocio de drama eh fogo, quem tem uma vida mais "sofrida" e consegue enxergar o lado positivo das coisas, leva na boa. Ate a minha host fazia drama, na vez q ela colocou silicone nas peitolas, deu piti por causa q no meu horario off eu piquei a mula, quando eu voltei ela chorou e falou assim: "ai vc nao sabe o que eh ter seus bicos de peito numa bandeja..." aff me poupe!!!
    Agora a minha vida virou mesmo novela mexicana misturada com suspense policial, mas isso eh babado pra outro livro!!!

    Apreveite muito a tua mae, eu sinto muita a falta da minha, mesmo nos meus 31 anos de idade :)

    ResponderExcluir
  6. olá pessoas!
    conheço algumas de blog
    espero ver pessoalmente qd eu chegar no meu destino
    com ctza vcs tem muito pra contar
    bjus!!
    vou seguir ;-)

    ResponderExcluir
  7. Ai Dani, cuidado pra nao engordar mto porque a gente tem q achar um bofe pra vc nos EUA....rsrsrsrs...Concordo com vc plenamente, as vezes dá vontade de enforcar algumas meninas da comu!!!! Mas a gente ainda nao pode fazer isso..bom, quem sabe qdo estivermos nos states, tenhamos mais respeito da parte delas...hahauahua...aiaiai...see you...!

    ResponderExcluir