terça-feira, julho 01, 2014

Driving in the USA + Driver's License

Hey guys! Vim hoje contar um pouquinho sobre o meu drama com o problema de dirigir e de tirar a carteira de motorista americana...
Pra resumir: eu tirei a carteira de motorista pra poder ir como au pair, e nunca tinha dirigido na vida (e nem queria tirar a carteira), mas por ser um dos documentos exigidos pelo programa, eu tirei. Eu fiz 30 aulas, e passei na prova, mas mesmo depois que eu peguei a carteira eu praticamente não dirigia, porque tinha medo, só aprendi a dirigir carro automático pra poder colocar no meu application (porque 90% dos carros aqui nos Estados Unidos são automáticos). Quando tive o match com a minha HF, eles me disseram que eu teria meu próprio carro pra usar no meu horário off e raramente precisaria dirigir as kids, e como dirigir era uma das minhas maiores preocupações, achei que poderia ter tempo de chegar na casa da minha host family e fazer algumas aulas de direção antes de pegar o carro (e eu inclusive mandei um email pra eles falando sobre isso).
No meu primeiro final de semana lá, meu host pediu pra que eu dirigisse o carro automático, e eu me desesperei, passei mal de tanto nervoso, ai ele deixou passar. Contei pra eles do meu medo de dirigir, e eles foram super pacientes, meu host me levou pra dirigir pela vizinhança, e depois eles me disseram pra todos os dias pegar o carro e sair pela cidade pra pegar confiança e treinar, antes de começar a dirigir com as crianças. Meu segundo problema veio quando eles me disseram que o carro que eu usaria era manual (eu aprendi a dirigir com manual, mas nunca mais tinha dirigido, e sou péssima dirigindo carro manual), eu disse a eles que nunca havia dirigido carro manual antes, então meu host me levou em um estacionamento pra me ensinar, mas eu fui péssima, tão péssima que eles desistiram e compraram um carro novo pra minha host, e eu fiquei com o carro antigo automático dela. E uma dica: depois que eu passei a ter o carro "só pra mim" minha vida lá melhorou muito. Pela liberdade de ir e vir sem precisar de ninguém. Então na minha opinião, ter carro é muito importante, principalmente se você vai morar em um lugar longe de tudo onde não tem transporte público tão fácil. Mas mesmo tendo carro, eu usava muito onibus onde eu morava, pra ir pro centro de Seattle, por exemplo, pela facilidade de não ter que procurar vaga pra estacionar e tals. Transporte público lá é ótimo, mas nem se compara a ter seu próprio carro.
Tirar a carteira de motorista nos Estados Unidos é uma coisa que desespera todas as au pairs, e foi algo que me tirou o sono por um tempo. Desde o dia que e cheguei na minha HF minha host falava que eu teria que tirar minha carteira de motorista "as soon as possible", mas devido aos meus probleminhas com direção eu fui tirar a carteira com quase 6 meses morando lá. O que me deu bastante tempo pra estudar e praticar. E foi tudo muito mais facil e pratico do que eu imaginava. Em alguns estados (como o que eu morava por exemplo) não é necessário fazer nenhum tipo de aulas, a não ser que a pessoa queria. O manual da minha prova era online e no site do próprio estado de WA tinha um teste prático online pra treinar. Eu li o manual uma vez e treinei pelo teste online varias vezes, tantas vezes que acabei decorando todas as perguntas e respostas. Depois de estudar e praticar, vem a parte prática do negocio. Eu vou contar como foi pra mim, mas não sei se em todos os estados o processo é o mesmo.
Primeiro eu fui até um office para abrir uma especie de cadastro com os meus dados, e obviamente levei todos meus documentos comigo. Preenchi um papel, entreguei junto com meus documentos e recebi um número de cadastro. Depois fui até uma auto-escola fazer a prova teórica (que não precisa ser agendada, é só chegar e fazer). A prova tem 25 questões e a pessoa precisa acertar 20. Depois de passar nessa prova, é só agendar a prova prática, que da pra agendar pro dia seguinte. O instutor explica a prova antes de começar e tira duvidas. A prova pratica foi muito mais facil do que eu imaginava, foi um percurso curto e durou cerca de 15 minutos, e as coisas que a gente tem que fazer na prova são mais ou menos essas: parar o carro na subida, fazer baliza atras de um carro, imaginando que tem outro atrás, dar ré em uma curva, mudar de faixa (sem esquecer de olhar por cima do ombro e parar em TODAS as placas de stop; lembrando que lá quando é stop, é STOP mesmo, tem que parar o carro completamente). E durante tudo isso o istrutor avalia os pequenos detalhes também. O mais difícil pra mim foi dar ré na curva, mas é só treinar que da tudo certo. Ouvir do instrutor que eu passei na prova de direção foi quase a mesma sensação que eu tive quando ouvi do cônsul que eu tinha conseguido meu visto! Sério, um super alívio. Meus hosts nem acreditaram que eu passei de primeira nas duas provas, eles viviam repetindo "se você não passar de primeira não tem problema, é algo difícil e blablabla...", e isso me deixava mais nervosa ainda, porque eu pensava que era algo impossível de tão difícil. Mas na real? Eu achei fácil demais. Enfim, depois de passar na prova, eu retornei no office pra pagar e tirar a foto da carteira (a qual eu sai muito feia porque não esperava que as coisas fossem ser tão rápidas, que eu nem estava arrumada pra tirar a foto... ). No mesmo dia recebi uma carteira de motorista provisória, e 10 dias depois recebi o documento permanente. Simples e prático! Então sem neuras meninas, é bem fácil!
E ah, eu gastei cerca de 140 dolares com tudo. Foi combinado com meus hosts que eles me reembolsariam tudo que eu gastasse pra tirar a carteira. E eles não eram obrigados a pagar, afinal no nosso contrato consta que nós somos obrigadas a pagar pela nossa permissão internacional de direção (PID) e também pela carteira que tiramos nos EUA. Então já preparem o bolso...
É isso gente! Espero ter ajudado!
E ah, só pra lembrar: como as leis americanas variam de estado para estado, pode ser que onde você more ou vá morar seja diferente, contei o caso da onde eu morei! Creio que as coisas não sejam assim tão diferentes, mas nunca se sabe...
Beijinhos, até mês que vem!

2 comentários :

  1. Otimo post Stephanie. Que bom que vc conseguiu tudo de primeira. Eu tive muita sorte também, pois só tirei a CNH aqui no Brasil pq precisava do documento, aprendi a dirigir só para ser au pair. Chegando lá, usei apenas a minha PID, nunca precisei tirar a carteira de lá, morava em NY. O problema era que a PID iria perder a validade, bem no meio do intercambio,e ai eu precisaria tirar a carteira de la. Só que aí, tive um rematch e minha nova familia nao precisava q eu dirigisse. Tudo se encaixou certinho haha.

    ResponderExcluir
  2. Posso ficar só com a cnh do Brasil (provisória, menos de 1 ano) nos EUA (Mass)? Ou sou obrigada a tirar a carteira de lá?

    ResponderExcluir