quarta-feira, dezembro 17, 2014

Por que agora eu sou RYYYKKAAAAAAAA

só que não. 

"dinheiro na mão é vendavaaaaal..." 

eu sei que foi ingenuidade minha e que os salários são sempre baseados no custo de vida em determinado lugar e que se aqui se ganha mais dinheiro é por que viver também deve ser mais caro bla bla bla... mas como as meninas aqui sempre falam o tanto que compram, e se preocupam a vida quando ouvem falar em 350 por mês, eu achei que ia tirar de letra essas finanças americanas... aaaah se eu soubesse! hahaha

Eu sei que boa parte dos meus problemas financeiros tem se dado ao meu mau gerenciamento nas últimas semanas, e ao fato de que comprei passagens de avião e bookei hostel para o ano novo... Mas também sei que com 350 euros/mês na Holanda eu vivia muito mais tranquila do que com os meus 195,75/semana aqui! 
Alguns fatos financeiros:

- Na Holanda eu podia comprar vinho de 2 euros. E cerveja de 50 centavos. E fazer esquenta em casa antes de sair pras baladas, que eram de graça pra entrar. 

- Na Holanda eu comprava passagem de ida e volta de ônibus pra outro país por 25 euros. 

- Na Holanda eu não saia de casa pra "fazer compras". 

- Na Holanda eu não tinha um Walmart perto de casa, pra sugar minha alma. 

Mas acredito eu que o fato de estar morando bem no meio do mato agora atrapalhe nisso também. Em Philly eu conseguia sair de casa pra dar uma volta sem ter que ir pra algum lugar específico... Podia ir até um parque, ou uma praça, ou só andar sem rumo mesmo. Aqui como pra sair do bairro de casa eu preciso dirigir, eu sempre tenho que saber pra onde estou indo, e a maioria dos destinos mais próximos envolvem lojas ou restaurante. E haja dinheiro! 
E por mais que eu não more tão longe assim de DC... ao contrário de em Philly e Amsterdam (que morei nos centros das cidades) agora eu preciso gastar dinheiro com transporte público pra chegar lá. Não tenho como "dar um rolezinho" na cidade sem gastar pelo menos 7 doláres do metro + dinheiro de um lanchinho pelo menos né. 

Em Amsterdam, como a cidade era pequenininha e tinha MUITA coisa grátis pra fazer, era mais fácil de fazer o dinheiro render. Não que eu esbanjasse... Passava aperto também, porém era um aperto diferente, social... Aqui a partir do momento que minha conta chega perto de zero, eu não tenho opção nenhuma a não ser ficar em casa vendo tv, já que não existem coisas free para serem feitas na roça. 

E no geral os Estados Unidos são muito mais caros que a Europa. Viajar aqui tem custado pequenas fortunas, e coisas pequenas, nas quais gastava 1 ou 2 euros... Aqui não gasto menos que 5! 
E a declaração que as amigas au pairianas européias vão entender como a mais sofrida: USA NÃO TEM PRIMARK GENTE!!!!!!!!!!!!!! Primark eu ia com 50 euros, voltada com 5 sacolas e roupas pruma temporada inteira. Aqui eu gasto 100 doláres em meia dúzia de peças e conseguindo desconto em promoção ainda! 

Mas enfim gente, acho incrível essa conclusão de que eu era rica com 350 euros/mês e não sabia. De todas as coisas que imaginei que me aconteceriam aqui, essa nunca esteve nem perto de ser uma delas! 

E como já é dezembro, e o ano voou e a minha ficha ainda não caiu... Provavelmente mês que vem eu tentarei fazer um post mais bonitinho e menos non sense! hahaha 
Me desejem um bom ano novo (já que todo meu dinheiro está investido lá!) e até 2015 galera!!!! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário