domingo, março 15, 2015

As bonanças alemãs



Oi, gente, tudo bom? Espero que tenham passado o mês muito bem.... Esse eh meu segundo mês aqui na Alemanha e hoje vou falar um pouco das coisas boas que já vivi aqui, já que no mês passado eu machuquei o coração de algumas pessoas.

Primeiramente, eu gostaria de falar que estou muito feliz com a vida que tenho aqui como Aupair, mas isso se deve ao fato de que no Brasil eu vivi os últimos dois anos trabalhando e estudando muito, com pressão na universidade pra seguir carreira acadêmica e em casa pra achar logo um rumo pra minha vida. Eu sei que a Europa não eh meu lugar. Eu amo minha terrinha com corrupção, transporte público ruim e educação capenga. Acho que pra mim o Brasil eh tipo aquele cara fdp é gato pra caramba. Vc sabe q sua vida com ele vai ter muitos altos e baixos, brigas, ciúmes é tudo mais, mas não consegue trocá-lo pelo nerdinho q te adora e com quem teria um relacionamento tranquilo, com conversas de qualidade, passeios sem pressa e tudo mais. Não sei se vcs entendem a analogia, mas pra mim o Brasil eh o lugar ao qual eu pertenço, e minha estadia aqui. A Europa tem começo, meio e fim. E eh por isso que eu não me deixo entristecer, não permito q a saudade tome conta de mim. Eu não posso me permitir perder tempo com tristeza aqui, eu só tenho um ano e tanta coisa pra ver!!!!


Mas vamos lá, coisas que eu gosto aqui na Alemanha e na minha rotina, claro.

1. Eu faço tudo com tranquilidade e não tem problema.
 Eu sou chata com horário e odeio fazer as coisas com pressa, eu sei exatamente o tempo q demoro pra fazer tudo é meu dia eh planejado assim que eu acordo. O fato da cidade onde eu moro ser pequena facilita o acesso aos lugares e eu tenho tempo de fazer tudo com calma, sem ter que sair correndo pra buscar criança na escola, etc.

2. As pessoas sabem te informar as coisas.
O profissional bem treinado eh um colírio para meus olhos. Me da muita segurança saber exatamente das coisas, e aqui tem sido assim. Eu ligo nos lugares e as pessoas sabem me informar das coisas.

3. É mais barato de se viver e nem por isso as coisas deixam de ter qualidade
Comida, roupas, calçado e eletrônicos são mais baratos aqui sim, com 260 euros ta pra vc comprar muita coisa que vc não compraria com 1000 reais no Brasil. E mesmo se vc comprar o  salgadinho de 0,75 centavos ou o chocolate de 0,39 vc vai comer e vai ser bom. Mesma coisa com as roupas, lógico que não vão durar tanto quanto uma roupa de marca, mas vai durar.


4. As pessoas nem te olham, o que faz com que elas não te julguem também. 
Eu simplesmente AMO andar na rua com a roupa que eu estava limpando a casa e ninguém se importar, adoro não pentear o cabelo e ninguém falar que menina tem q andar bonita. Isso faz com que eu me sinta mais livre.

5. Falando em liberdade: segurança. 
Eh muito bom chegar na estação de trem a meia noite e saber que você pode andar de volta a pé pra casa. Isso eh impagável, eh uma delicia. Parece nada, mas desligar o botão de alerta nos faz sentir muito menos o stress da rotina. 


Bom,tentei sair um pouco do senso comum de falar do transporte, educação e governo para focar em outras possibilidades de experiências. Espero que tenham gostado e até o mês que vem.


Beijinhos

Um comentário:

  1. Com certeza o que mais aproveitei/curti no meu intercâmbio para Portugal era a segurança que o país me passava! A liberdade de ir e vir, as roupas baratas, as viagens fáceis. Voltar da balada de madrugada, a pé, não tem preço!

    Beijo!

    ResponderExcluir