sábado, janeiro 21, 2017

What happens in your Au Pair year stays in there!

Olá pessoal! Como vocês estão? Espero que estejam bem!

Meu primeiro post de 2017, yay! Sinto-me renovada com a virada do ano e espero que isso perdure por algum tempo ainda. É como se tivéssemos a chance de começar tudo novo de novo e apesar de parecer bullshit não é, pelo menos pra mim. Se você ainda não tentou se reinventar em 2017, tente!

Estava conversando com uma amiga que ainda é au pair, pelo telefone, e depois de um bom tempo de conversa, e das boas, me surgiu um tema pro post de hoje. Sabe aquela história de: "o que acontece em Vegas, fica em Vegas?". Não sei se você já foi pra Vegas e se de fato sentiu isso na sua própria pele (e sim, é real). Mas, chegamos a conclusão que uma trip pra Vegas e o ano de Au Pair podem ser a mesma coisa, ou não.


Tanto em Vegas como no seu ano de Au Pair você pode fazer coisas que nunca imaginou fazer. E não estou falando de coisas "erradas", erradas entre aspas okay?

A gente se descobre forte, autossuficiente e principalmente dona do nosso próprio destino, em 1 ou 2 anos como au pair. Tem companhia pra assistir àquele filme que você tanto esperou estrear? Vai ao cinema. Mas, e se não tem? Vai ao cinema também, Mas, sozinha? Não! Com a sua melhor companhia: você mesma.

Você passa 2 dias em Vegas e é o suficiente ou pelo menos quase. Nunca achou que seria capaz de fazer tanto, ou festar tanto em 72 horas. Isso sem contar as milhares de fotos em todos os mils pontos turísticos da strip.

O que eu quero dizer com isso tudo que apesar de parecer muito tempo, o período de au pair passa voando. Você faz melhores amigos do mundo, dos quais talvez você nunca verá novamente, em pouquíssimo tempo, viaja e já se vê morando no lugar que mal conhece, experimenta comidas novas e pensa: "como eu demorei X anos da minha vida pra comer isso", chora de saudade de quem você deixou para trás pra só depois ver que quem muda é você e que quando você voltar, tudo será o mesmo. Isso sem contar que muito, eu disse MUITO do que acontece, não sai de onde aconteceu. Seria muito esforço empenhado pra fazer alguém entender e as vezes, não vale a pena.

"Ah, finalmente ela chegou no título do post", você pode estar pensando. Se você ainda não é au pair, vai lembrar de mim quando for uma depois desse post. Por isso, o que acontece no seu ano como au pair, fica no seu ano de au pair. Nem todo mundo vai te entender. No bem da verdade, só entende a intensidade e a insanidade das coisas quem viveu mesmo.

Se prepare pra ser a chata que só fala de au pair antes de ir e quando voltar. Só fala de quão incrível foi a sua experiência. De quantos lugares e pessoas você conheceu. De quantas experiências você viveu. E de tudo aquilo que por algum motivo se acabou pra você enquanto você estava lá vivendo a sua tão louca vida de au pair. Nesse jogo chamado vida nem sem é ganha - ganha. As vezes perdemos pra ganhar lá na frente. Prefiro ver esse tipo de situação como livramento de Deus, amém?

Mas se neste ano você está pensando em sair por aí e ser uma de nós. vai fundo! E eu só desejo que esse seja o melhor ano da sua vida, assim como aconteceu comigo. Mas acaba, viu? Não importa o quão incrível e o quão intenso foi, um dia acaba e a realidade vem e joga isso na nossa cara, momento desabafo aqui.

Se tiverem alguma coisa pra adicionar ou comentar a respeito do vocês leram aqui, por favor escrevam nos comentários.

Feliz 2017 pessoas e até o próximo dia 21!

Bárbara Albuquerque

0 comentários :

Postar um comentário